Então, por que fechar as escolas? – Indagou Bolsonaro

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Por: Djeff Amadeus

Advogado, mestre em direito e hermenêutica filosófica pela Unesa, pós-graduado em filosofia pela PUC-Rio, pós-graduado em processo penal pela ABDCONS-RJ, membro da FEJUNN e do Movimento Negro Unificado (MNU)

Então, por que fechar as escolas? – Indagou Bolsonaro

Este é um texto escrito para responder a pergunta do Presidente da República, Jair Bolsonaro, sobre por que fechar as escolas em meio à pandemia originada pelo Corona vírus.

Pois muito bem.

Eu sei que pessoas como o Roberto Justus e o Senhor, Presidente, se acostumaram com a possibilidade de pessoas morrerem, a exemplo do Dono do Madeiro. Mas, parafraseando Marina Colasanti, não deveriam.

E não deveriam porque, ao se acostumarem com isso, acostumaram-se à possibilidade de uma pessoa em situação de rua perguntar-lhes por que os senhores estão de máscaras, sem que tal pergunta cause-lhes nenhuma vergonha ou constrangimento.

E porque não têm constrangimento e vergonha, logo se acostumam a vir a público anunciar a possibilidade de suspensão do salário das trabalhadoras e trabalhadores em meio à pandemia.

E a medida que se acostumam com isso, esquecem que sem salário não tem comida. E sem comida não se tem dignidade. E sem dignidade não se vive, mas se sobrevive.

E se acostumando a isso, não se dão conta de que milhares de brasileiros não podem viver com uma das sensações mais horríveis da vida: a de se ter apenas ar dentro do estômago, como disse Carolina Maria de Jesus.

Depois daí todo mundo pode ser roubado, mas um roubo muito maior do que o patrimônio: o roubo da sua dignidade e identidade.

Não mais pessoas, mas apenas números; e só. Cálculos e mais cálculos.

E assim começa uma contabilização que não lhes faz refletir que os números anunciados aqui, acolá, não são apenas números, mas pessoas.

E por isso passam a encontrar racionalidade onde somente deveria existir espaço para a dor.

A exemplo da “comemoração” de alguns pelo fato de que o risco maior será àqueles que já estão no final de suas vidas.

E se acostumando a tudo isso, não abrem seus olhos para a realidade da grande parcela da população brasileira.

A realidade que responderia facilmente a pergunta sobre por que manter as escolas fechadas.

A triste realidade de morarem, num mesmo cômodo, 4, 5, 6, 7, 10 ou mais pessoas.

Por isso, neste momento, as escolas devem se manter fechadas, porque se os senhores têm plano de saúde e diversos cômodos em suas casas, muitas crianças de escolas públicas moram no mesmo cômodo com suas avós e avós.

Por isso as escolas devem manter-se fechadas!

Mas se os senhores se acostumaram com tudo isso, preciso lhes dizer que as pessoas que carregam esse país nas costas, maioria negras e pobres, jamais não se acostumarão, pois filhas e filhos de Conceição Evaristão têm um recado a dar: combinaram de nos matar, mas nós combinamos de não morrer.

APOIO-SITE-PICPAY

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.