Vitrine Preta expõe projeto de artistas e empreendedores periféricos de SP

APOIE O NOTÍCIA PRETA

A página do Facebook App está com espaço aberto para que empreendedores e artistas das regiões de Brasilândia, Campo Limpo, Cidade Tiradentes, Grajaú e República apresentem seus projetos e negócios criados nesses locais. Ao todo, a programação do evento Vitrine Preta irá expor mais de 100 projetos.

Negra Li é uma das atrações da Vitrine Preta – Foto: Divulgação

O espaço virtual é voltado para empreendedores exporem seus trabalhos. O período de envio dos projetos vai até o dia 19 de Novembro, mas a vitrine digital ficará no ar até de 22 de Novembro na página do aplicativo.

O objetivo da Vitrine Preta, segundo a organização, é dar visibilidade às iniciativas e enaltecer os projetos nascidos nesses espaços, por meio de uma vitrine digital para exibir o trabalho de artistas e empreendedores. O projeto é um desdobramento do projeto SPerifas, que realiza trabalho imersivo nas periferias de São Paulo, sob coordenação do AfroLab, projeto do Instituto Feira Preta, o maior Festival de Cultura Preta da América Latina, que promove ações de capacitação e atividades de apoio ao empreendedorismo nessas regiões.

A programação do evento contará com a presença de artistas que vieram do mesmo lugar que os expositores da vitrine, sendo eles, Negra Li (Brasilândia), Aisha Mbikila (Campo Limpo), Andreza Delgado (Cidade Tiradentes), Tássia Reis (Grajaú) e Rashid (República).

APOIO-SITE-PICPAY

1 Comment

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.