Edital oferece R$15 mil para roteiristas e cineastas de favelas do Rio e Baixada Fluminense

APOIE O NOTÍCIA PRETA

O edital Coalizões Audiovisuais (@coalizoesaudiovisuais) está com inscrições abertas para roteiristas e cineastas da Baixada Fluminense e favelas do Rio de Janeiro que possuem projetos de filmes em curta-metragem. Para viabilizar a realização das obras audiovisuais, a iniciativa contemplará 02 roteiros com R$15 mil cada, além de um laboratório de formação com especialistas.

Motivada pela potência criativa da periferia, a primeira edição do programa busca colaborar com a redução das desigualdades no setor audiovisual, fomentando o trabalho de populações e territórios subrepresentados no segmento. Estimular e valorizar novas lógicas produtivas e imaginários é o objetivo principal deste edital. 

O diferencial do Coalizões está em proporcionar esse encontro entre produções que ainda conquistam pouco espaço em grandes festivais ou políticas públicas”, afirma Lia Bahia, idealizadora e diretora artística do edital.

Edital oferece R$15 mil para roteiristas e cineastas de favelas do Rio e Baixada Fluminense

Inscrições

As inscrições gratuitas estão abertas até 05/06 e podem ser realizadas em coalizoesaudiovisuais.com.br. Podem ser inscritas obras inéditas e originais de ficção ou documentário com temática livre, entre 5 e 20 minutos de duração, cujos roteiristas ou diretores sejam maiores de 18 anos e residentes da Baixada Fluminense ou de favelas do Rio de Janeiro. É permitida a inscrição de até duas obras audiovisuais por proponente. 

O Coalizões Audiovisuais é uma realização da Baluarte Cultura e conta com o patrocínio da Estácio e do Governo Federal via Lei Federal de Incentivo à Cultura, do Ministério da Cidadania, com apoio institucional da Matizar Filmes e promoção do Site da Baixada.

LEIA TAMBÉM: Do Morro do Cubango para as telas de cinema: Tati Villela é premiada como Melhor Atriz

APOIO-SITE-PICPAY

1 Comment

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.