Rapper Dfideliz relata que sofreu racismo em um restaurante de São Paulo

APOIE O NOTÍCIA PRETA
Rapper Dfideliz

Na madrugada de domingo (09), o rapper Dfideliz relatou mais um caso de racismo. No stories de seu Instagram, ele contou que ao entrar em um restaurante, com dois amigos negros, foi abordado de maneira grosseira por um funcionário do local. O episódio acorreu em um restaurante na cidade de São Paulo.

O rapper, que faz parte do coletivo paulistano Recayd Mob, já foi vítima de racismo anteriormente. Em 2018, ele recebeu xingamentos através das
redes sociais. No início deste ano, Dfideliz fez um post no Twitter falado sobre os casos de racismo no Rio Grande do Sul.

APOIO-SITE-PICPAY

Louise Freire

Jornalista e apaixonada por livros. Concluiu sua graduação em 2016 e no mesmo ano estagiou em uma revista. Participou da produção de um programa da TV Brasil e trabalhou como produtora audiovisual.

1 Comment

  • É isso aí! Enquanto isso continuamos a votar em brancis ou negros que não tem compromisso com a causa, o segurança fez o que o sistema obriga ele a fazer, nós negros que votamos em Hélio Negão, Fernando Holiday é que somos culpado! Força mano, bola para frente, resistência!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.