Bolsonaro assume ter casos de corrupção em seu governo, mas diz que são “isolados”

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Pela primeira vez, o presidente Jair Bolsonaro (PL) assumiu que há casos de corrupção em seu governo. Somente agora, após diversos casos revelados em seu mandato, como a prisão do ex-ministro da Educação, Milton Ribeiro, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, ser acusado de patrocinar interesses privados de madeireiros, a negociação para a compra da vacina Covaxin com valor 1000% maior do que as demais, entre outros, Bolsonaro assumiu ter o que chamou de “casos isolados” de corrupção.

A fala se deu durante pronunciamento em evento da Confederação Nacional da Indústria (CNI),nesta quarta (29) e marca uma mudança no discurso do presidente, que, ao longo do governo, afirmou várias vezes que não havia corrupção na sua gestão.

Bolsonaro fez a afirmação quando falava da possibilidade de o Brasil passar a fazer parte da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

Tem casos isolados que pipocam e a gente busca solução pra isso. Mas, além da escolha dos ministros, além de conversar com eles qual é a real função dele, em cada ministério nós temos aí uma célula composta de servidores da PF, da CGU, da AGU e até mesmo TCU para analisar aquilo que é de mais caro pra nós. De modo que a gente ataca a possível corrupção na origem. Não interessa descobrir o corrupto, nós queremos é evitar que apareça a figura do corrupto“, disse o presidente.

Crédito: Reuters

LEIA TAMBÉM: Liberação de verbas: governo Bolsonaro realiza movimento para não ter CPI do MEC

A mudança no discurso do presidente ocorre uma semana após o ex-ministro da Educação Milton Ribeiro ser preso preventivamente. Ele é acusado de tráfico de influência e corrupção passiva, em um esquema que negociava propina em troca da liberação de verbas do MEC.

Segundo o presidente, sempre que “pipocam” casos de corrupção, o governo busca uma solução.

Bem como o combate à corrupção. Isso nós estamos muito bem no governo. Não temos nenhuma corrupção endêmica no governo. Tem casos isolados que pipocam e a gente busca solução para isso”, afirmou.

APOIE O NOTÍCIA PRETA

2 Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.