“Meu pai de criação é homossexual e negro”, diz Renan Bolsonaro para se defender de acusação de racismo

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Renan Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), para se defender das acusações de preconceito disse, em vídeo, que tem um pai de criação homossexual e negro. O vídeo publicado na semana passada em que o filho 04 do presidente é questionado sobre ter preconceito contra negros, gays e nordestinos. “Domingo é aniversário do meu pai de criação. Ele é homossexual e negro. Meu pai botou dentro da minha casa, da nossa casa pra cuidar de mim. No domingo vocês vão saber, porque é aniversário dele”, disse ele. No vídeo ele ainda alega que nunca havia falado sobre isso.

Renan Bolsonaro e Marcelo – Foto: Redes Sociais

Leia também: Sob pressão da Igreja Universal, Bolsonaro quer nomear Marcelo Crivella embaixador na África do Sul

Em sua rede social, Renan disse que Marcelo, o “pai de criação”, tem sido um grande amigo e orgulho para ele. “Você me ensinou muito, especialmente a como me tornar uma boa pessoa. Sua empatia e seu carinho são contagiantes, e eu serei eternamente grato a Deus por tê-lo colocado em nosso caminho. Que neste aniversário seu coração possa transbordar com o dobro da felicidade que você trouxe para nossa família! Obrigado por tudo! Parabéns! Felicidades…”, escreveu.

APOIO-SITE-PICPAY

1 Comment

  • Que os dois sejam muito felizes,mas ”empregado” não é ”pai de criação”,pelo amor de Deus,pai de criação é o mesmo que pai adotivo – É claro que pra serviçal e vassalo a figura de um negro cai como uma luva pra quem é racista.
    Eu rezo todos os dias pra nossa ”família-real”,todos eles precisam de oração,destilar ódio só piora.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.