Com mulheres negras em destaque, Porto Alegre e Florianópolis recebem a 1ª Bienal Afro

APOIE O NOTÍCIA PRETA

A partir desta semana, Porto Alegre e Florianópolis recebem, pela primeira vez, a Bienal Black Brazil Art, que acontece de forma gratuita até sete de fevereiro de 2020. O evento pretende visibilizar as produções femininas nas artes visuais.

No Rio Grande do Sul, as exposições começaram na última terça-feira (5) e vão até sete de fevereiro de 2020. Já em Santa Catarina, as obras serão expostas a partir da próxima quinta-feira, com prazo de término em 14 de dezembro.

O tema da 1ª Bienal é “Mulheres (In)Visíveis”, que está com as entradas francas e mais de 300 obras expostas, por cerca de 150 artistas plásticas espalhadas por todos o país.

 Além dos trabalhos de pinturas, esculturas, vídeo arte e outras manifestações artísticas, o espaço contará com debates, intervenções e performances que buscam visibilizar as temáticas dessa primeira edição.

Segundo a curadora do evento, Patricia Brito, a ideia da bienal é destacar a importância das produções artísticas femininas, especialmente a de mulheres negras, a partir das artes visuais. “”Com o objetivo claro de abrir a discussão para a arte de mulheres esquecidas pela sociedade, apresentamos trabalhos poderosos e pungentes de diversos artistas contemporâneos do país”, ressalta.

PORTO ALEGRE

Na capital gaúcha, as obras expostas estão presentes em sete espaços diferentes para visitação, entre elas o Centro Cultural CEEE Erico Verissimo (de 05/11/19 a 29/11/19), Memorial do RS (22/11/19 a 20/01/20), Fotogaleria Virgílio Calegari CCMQ (21/11/19 a 12/01/20), Museu de Comunicação Social Hipólito José da Costa (21/11/19 a 20/01/20), Museu Júlio de Castilhos (21/11/19 a 20/01/20), Museu da UFRGS (10/01/20 a 07/02/20) e Aberto Caminho de Artes (07/12/19 a 31/01/20). Além dos lugares mencionados, o Instituto Federal da Restinga, Quilombo do Areal e Vila Flores também devem receber algumas intervenções artísticas.

SANTA CATARINA

Na capital catarinense, por sua vez, a bienal será destaque na Galeria de Arte do Mercado Público (08/11/19 a 14/12/19), Museu Histórico de Santa Catarina (08/11/19 a 01/12/19) e no Teatro da Ubro (27/11/19). 

Com a exceção do Museu Histórico do estado, todos os demais espaços têm a entrada franca para os visitantes. Para mais detalhes sobre a  programação completa da Bienal Afro, acesse o site(https://bienal-black-brazil-art.webnode.com/) do evento e fique por dentro de tudo o que acontecerá nos próximos meses.

APOIO-SITE-PICPAY

Luis Fernando Filho

Jornalista formado pela UFSM, militante dentro dos movimentos negros e estudantis, com experiências em veículos de comunicação independentes. Um amante do futebol e apaixonado por histórias de pessoas reais. Minha maior paixão é a reportagem.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.