Coalizão Negra por Direitos e Black Lives Matter se unem e lançam manifesto marcando a Semana de Direitos Humanos

APOIE O NOTÍCIA PRETA


Na semana em que se comemora o Dia Internacional dos Direitos Humanos, a Coalizão Negra por Direitos, que é um coletivo com mais de 200 organizações no Brasil, se juntou ao movimento Black Lives Matter, dos Estados Unidos, e lançou uma carta conjunta pela vida do povo negro. O manifesto exige que a declaração universal dos direitos humanos seja cumprida.

 ”Emilly. Rebeca. João Alberto. George Floyd. Marielle Franco. Breonna Taylor. João Pedro. Michael Brown. Eric Garner. Amarildo. +Seguimos em luto por estas e tantas pessoas negras assassinadas diariamente em toda a diáspora africana, em uma constante guerra de forças dos Estados e forças privadas contra a população negra, uma atualização permanente do genocídio negro”, diz o primeiro parágrafo do manifesto.

No ano passado, a Coalizão Negra por Direitos esteve em Brasília para bater de frente com ”Pacote Anticrime” do ex-ministro da Justiça Sergio Moro. Foto: reprodução/Instagram


Nessa aliança histórica de grandes movimentos antirracistas, a luta por um futuro livre do racismo e de todas as opressões foram reforçadas. 
”Historicamente temos afirmado nossa humanidade de maneira coletiva. Nos quilombos, nos movimentos sociais, nas favelas, em processos eleitorais, no campo, nas florestas e nas ruas, travamos a luta por nossa libertação. E assim como a promoção da morte de nossa gente é uma política global capitalista-neoliberal, supremacista branca e hetero-cis-patriarcal, a articulação por nossa libertação também não se limita a fronteiras nacionais. Honrando nossas e nossos ancestrais, numa estratégia internacionalista e afro-diaspórica, nos unimos na luta por um futuro livre de racismo e de todas as opressões, conforme a ​agenda política da Coalizão Negra por Direitos e a plataforma política Vision for Black Lives”, reitera a carta conunta. 

 ”Exigimos a garantida de direitos humanos a negras e negros. Queremos viver, não apenas sobreviver!
Vidas negras importam. 
Basta de genocídio!

Carta Conjunta – Coalizão Negra por Direitos e Black Lives Matter
APOIO-SITE-PICPAY

Thiago Augustto

Um filho negro adotado. Thiago Augustto faz questão de marcar sua existência pela raça e pela oportunidade de viver. Transformou o tabu da adoção num grande motivo de orgulho. É criador de conteúdo e palestrante. Se formou em jornalismo em 2014, desde então, trabalha na TV Globo Recife, atuando como produtor e repórter. No Notícia Preta, é editor e coordena os colaboradores das regiões norte e nordeste. Em 2021, criou o Futuro Black - um banco de talentos e de fontes profissionais pretas.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.