Professor que andou por escola pública com traje fazendo alusão à Ku Klux Klan será afastado

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Um vídeo, que viralizou nas redes sociais nesta terça-feira (21), mostra uma pessoa com roupa que remete à Ku Klux Klan (KKK) no pátio de uma escola estadual em Santo André, no ABC Paulista. Conhecida principalmente nos Estados Unidos, a KKK é um grupo extremista que defende a supremacia branca.

O caso ocorreu na Escola Estadual Amaral Vagner, em Santo André, na região do ABC. Na gravação, dá para ouvir a voz de uma jovem que parece ser uma aluna, incrédula com a vestimenta do professor. Na ocasião, estudantes do terceiro ano do Ensino Médio organizaram um desfile de fantasias no local.A data da gravação não foi informada pela secretaria, mas o vídeo foi postado na última segunda-feira (20). 

A Secretaria estadual da Educação diz que vai afastar o professor envolvido até o término da investigação. A pasta também informou que não admite qualquer forma de discriminação e injúria racial.

LEIA TAMBÉM: Em um ato no RS, homem vestido de Ku Klux Klan pede fim do comunismo no Brasil

O professor pode responder por crimes de apologia ao crime e de racismo. Se condenado, pode pegar até 3 anos de prisão.

Pelas redes sociais, o Grêmio Estudantil e a Atlética da instituição emitiram uma nota na qual explicam que o homem fantasiado se trata de um professor de História da escola. Além disso, o pronunciamento alega que o educador foi retirado do local pelos estudantes e levado para a direção. A nota relata ainda que o grupo é contra a atitude e que repudia qualquer tipo de preconceito. O docente foi afastado.

O caso foi registrado na unidade escolar e encaminhado a diretoria de ensino, órgão responsável por cuidar de casos ocorridos nas escolas estaduais e que pode tomar medidas a respeito do ocorrido. Afirmamos que tanto a escola quanto o Grêmio e a Atlética tomaram todas as medidas que estavam ao seu alcance, incluindo, conforme dito anteriormente, prestar esclarecimentos e se retratar com os alunos presentes no dia através de seus representantes de classe”, informa o comunicado.

APOIE O NOTÍCIA PRETA

2 Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.