Peça inspirada no poema de Castro Alves, Navio Negreiro, é encenada em Salvador

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Pela primeira vez em Salvador, a Cia. Teatral Ena encena as memórias da travessia forçada dos africanos escravizados pelo Atlântico no espetáculo Navio Negreiro. Com curta temporada em Salvador, apenas nos dias 22 e 23 de novembro, às 19h e 24 de novembro, às 18h, no Espaço Cultural da Barroquinha, a dramaturgia é baseada na obra de Castro Alves e narra o processo de escravização e o corpo negro como mercadoria. 

Com direção e dramaturgia de Gabriela Jonas e produção do ator equatoriano Jarsom Wayans, Navio Negreiro relembra o que veio antes, para que através da história haja reflexão sobre a sociedade brasileira na atualidade. Com canções de origens de matrizes africanas, tocadas ao vivo durante o espetáculo, a religiosidade, o rito e a celebração, destes povos é rememorada a cada cena. O espetáculo inteiro se passa em alto mar, abordando a desumanização dos escravagistas com toda a violação e mutilação dos corpos das mulheres negras.

“Hoje 51% da população no Brasil é negra, e se faz extremamente necessário resgatar nossas raízes para constituirmos quem somos, é preciso olhar para o passado e entender quais são as heranças que ele nos deixou e como podemos evitar que qualquer vestígio desses tempos tenebrosos voltem”, comenta a diretora e dramaturga, Gabriela Jonas.

Depois da apresentação teatral, os espectadores podem apreciar a apresentação do grupo paulistano Samba Fiat Lux. Violão, voz, caixa de fósforos, algumas canções autorais e um repertório pouco usual. Foi assim que Vinícius Duran e Gabriel Ornellas formaram o duo que logo daria origem ao quarteto da Fiat Lux. A montagem conta com o apoio do Consulado Equatoriano em São Paulo.

Confira um trecho do poema de Castro Alves, Navio Negreiro:

“Senhor Deus dos desgraçados!

Dizei-me vós, Senhor Deus,

Se eu deliro… ou se é verdade

Tanto horror perante os céus?!…

Ó mar, por que não apagas

Co’a esponja de tuas vagas

Do teu manto este borrão?

Astros! noites! tempestades!

Rolai das imensidades!

Varrei os mares, tufão! …”

Serviço

Navio Negreiro

De 22 de novembro a 23 de novembro , às 19h

De 24 de novembro, às 18h

Local: Espaço Cultural Barroquinha – Endereço: Rua do Couro, s/ n – Barroquinha, Salvador – BA,

Capacidade: 135 | Recomendação: 16 |Duração: 60 min

Ingressos: R$44 (inteira) e R$22 (meia entrada)

Venda de ingressos online para Salvador: https://www.sympla.com.br/navio-negreiro—em-salvador__680761

APOIO-SITE-PICPAY

Thais Bernardes

Formada em jornalismo pelo Institut français de Presse-Université Panthéon-Assas, em Paris e com especialização em audiovisual pelo Institut Pratique de Journalisme (IPJ), também na França, Thais Bernardes é jornalista, assessora de imprensa e idealizadora do portal Notícia Preta, um site de jornalismo colaborativo. Antes de concluir seus estudos na Europa, Thais cursou Relações Públicas na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), onde ingressou através do sistema de cotas. Após atuar como produtora no canal de TV France 2, em Paris, foi repórter no Jornal Extra, na rádio BandNewsFM e coordenadora de Comunicação da Secretaria de Estado de Direitos Humanos do Rio. Em novembro de 2018 a jornalista decidiu criar o portal Notícia Preta como forma de combater, através do jornalismo, o racismo e as desigualdades sociais.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.