Yoga africano é atração da Semana de Meditação Preta; evento é online e gratuito

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Entre 10 e 16 de junho, instrutores pretos de yoga oferecem online e gratuitamente práticas de meditação. O evento faz parte da Semana de Meditação Preta e terá sete meditadores-guia com diferentes técnicas para praticantes iniciantes ou não se identificarem. Quem comandará as atividades será Ana Sou, instrutora SBA de Kemetic Yoga, que é a prática com base africana.

O evento surgiu a partir do aumento pela busca por meditação e yoga africana neste momento de isolamento social devido à pandemia do novo coronavírus e somado aos últimos episódios de racismo ocorridos no Brasil e nos Estados Unidos.

”começamos as lives no Instagram devido ao estresse de muitas pessoas devido a Covid-19. Depoimentos nos mostram que as pessoas não têm instrumentos para lidar com a situação e estão com corpo e mente enfraquecidos. Nosso mestre Yiser Ra Hotep diz que ‘a Kemetic Yoga traz conhecimentos ancestrais para problemas atuais. Esses conhecimentos estão registrados nas pirâmides nos papiros do Kemet (Egito)’”, comentou Ana. 

O instrutor Amani Kush conta que a população negra foi afastada desses lugares de cura, basta olhar em qualquer estúdio de yoga e você vai ver. “O estresse e traumas que o racismo deixa não estão nos dados, e a Kemetic yoga pode ajudar a equilibrar mente corpo, emoção e espírito”, complementa Ísis Moreira, instrutora que atua no Rio Grande do Sul


Suicídio como consequência do racismo

O Ministério da Saúde já trouxe dados sobre como o índice de suicídio entre jovens negros cresce e é até 45% maior do que entre jovens brancos e yoga e meditação fazem parte das Práticas Complementares de Saúde (PICS) aprovadas pelo próprio Ministério. Karimá Serene, instrutora, explica: “A ciência já comprovou que estas práticas permitem que o corpo produza naturalmente substâncias que fortalecem o sistema imunológico, restauram o equilíbrio psicoemocional e são associadas a terapias para combate estresse, depressão e traumas”. 

SERVIÇO
A live será no instagram de Ana Sou
Cronograma:
• 10 jun| qua.| 18h – Shabaka Mangagá
• 11 jun | qui.| 19h – Ísis Moreira
• 12 jun | sex. | 18h – Laura Pitangui
• 13 jun | sáb |17h – Helbert Almeida
• 14 jun | dom | 16h – Karimá Serene
• 15 jun | seg | 8h – Ranadhira Renata
• 16 jun | ter | 9h – Amani Kush

APOIO-SITE-PICPAY

Thiago Augustto

Um filho negro adotado. Thiago Augustto faz questão de marcar sua existência pela raça e pela oportunidade de viver. Transformou o tabu da adoção num grande motivo de orgulho. É criador de conteúdo e palestrante. Se formou em jornalismo em 2014, desde então, trabalha na TV Globo Recife, atuando como produtor e repórter. No Notícia Preta, é editor e coordena os colaboradores das regiões norte e nordeste. Em 2021, criou o Futuro Black - um banco de talentos e de fontes profissionais pretas.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.