“Parece um sonho”, diz primeira quilombola nomeada por cotas no Itamaraty

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Rebeca Melo, 29 anos, economista, teve sua posse publicada no Diário Oficial da União nesta terça-feira (21) para assumir o cargo de diplomata no Itamaraty. Ela é a primeira descendente de quilombolas a assumir um cargo por meio do sistema de cotas.

Rebeca foi aprovada em um dos concursos mais concorridos do Brasil – Foto: Reprodução Redes Sociais

“Foram cinco anos de muita luta, muito sofrimento e muito aprendizado. Me colocaram no grupo de aprovados do Itamaraty e pensei ‘gente! o que é isso?’… Parece um sonho”, comemora Rebeca. Porém, o caminho até a publicação no Diário Oficial foi longo.

Nascida na cidade de Cavalcante (GO), em território Kalunga, ela foi aprovada no concurso do Instituto Rio Branco, no ano de 2017, no entanto, a procuradora da República Anna Carolina Resende Maia Garcia ajuizou uma ação questionando a admissão da economista por cotas. De acordo com o parecer da procuradora, Rebeca entraria na categoria “pardo claro”. “Ela quis criar categorias de pardos, algo que não existe na legislação”, afirma.

“Eu não era negra o suficiente para as cotas, só para sofrer preconceito”, questiona Rebeca, em entrevista ao Metrópoles. Além disso, em 2015, Rebeca já havia sido contemplada com uma bolsa de estudos, como cotista, pelo próprio Itamaraty, que já havia lhe considerada negra.

Leia também: “Fortíssimos indícios de que seja branco”: CNJ suspende posse de juiz que entrou por cotas

Segundo Monique Rocha Furtado, advogada de Rebeca, entraram com um mandado de segurança contra a decisão da procuradoria para que ela passasse por uma segunda banca que, novamente, reprovou Rebeca. Ela, então, entrou com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF) contra a decisão.

No início deste mês, Rebeca fez um acordo inédito com o Itamaraty e a Advocacia Geral da União (AGU), onde ela aceitaria abandonar o processo e e ter uma cerimônia de posse reservada e ganhar o direito de passar por uma nova banca examinadora. A decisão positiva para Rebeca foi publicada na última terça-feira (21).

APOIO-SITE-PICPAY

Igor Rocha

Igor Rocha é jornalista, nascido e criado no Cantinho do Céu, com ampla experiência em assessoria de comunicação e escritor nas horas vagas. Editor do Notícia Preta.

1 Comment

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.