MV Bill vai mediar diálogo na GLOCAL Experience sobre projetos desenvolvidos nas favelas

APOIE O NOTÍCIA PRETA

O rapper e ativista MV Bill estará à frente da palestra “Outras imagens da cidade”, no evento  GLOCAL Experience, que acontece entre os dias  09 e 17 de julho, na Marina da Glória, Rio de Janeiro. O diálogo vai contar com a participação de Rafaela Pinah, pesquisadora de tendências, diretora criativa e fundadora da Coolhunter Favela, e a Equipe da Silva, agência de modelos e produtora de moda criada na periferia.

Foto: Divulgação

Para o cantor, a iniciativa traz visibilidade a projetos criados nas favelas e faz pressão ao poder político para um mundo sem desigualdades. “A GLOCAL joga luz sobre projetos importantes e inovadores que às vezes são subestimados. Iniciativas que podem parecer locais, mas que são de grande impacto se há um olhar mais coletivo sobre elas. É uma forma de pressionar e chamar a atenção do poder político para as pessoas interessadas num mundo sem desigualdades. É uma oportunidade para ouvir e aprender”, afirma MV Bill.

Na programação, o público terá acesso gratuitamente à espaços de interações sociais, debates, workshops, atividades imersivas, oficinas, cinema, área de exposição e gastronomia sustentável. O objetivo é ter a participação ativa e buscar o compromisso de diversos setores, como governos municipais e estaduais, iniciativas privadas, Academia, instituições e a sociedade em geral.

Alex Pereira Barbosa, conhecido como MV Bill, é um rapper, escritor, ator, cineasta e ativista brasileiro. Ele fundou com Celso Athayde a Central Única das Favelas (Cufa), em 1999. No início de março, MV publicou o seu terceiro livro, o “A Vida me Ensinou a Caminhar”, que remete à música “Marginal Menestrel”, presente no disco Declaração de Guerra de 2002.

APOIE O NOTÍCIA PRETA

1 Comment

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.