Multa em caso de racismo é motivo de deboche em Portugal

APOIE O NOTÍCIA PRETA
O atacante malinês foi vítima de ofensas racias no último dia 16 de fevereiro, na partida entre Porto e Vitória de Guimarães – Foto: Miguel Riopa

O atacante malinês do Porto, Moussa Marega, debochou da multa imposta ao Vitória de Guimarães, pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF) aos incidentes da última partida entre os dois clubes, no dia 16 de fevereiro.

Em sua conta no Instagram, Moussa Marega fez uma publicação, em tom de deboche, se oferecendo a ajudar o clube de Guimarães.
“Não! (714 Euros) É muito! Posso pagar pra ele (Vitória de Guimarães)?”, escreveu o atacante, que ainda colocou emojis com polegares para baixo, em forma de negação.

Multas
Dos 17 mil Euros (cerca de R$ 90 mil) de multa anunciados pela Federação Portuguesa, impostas ao Vitória, apenas 714 Euros (R$ 3600) foram referente às manifestações contra Marega. Arremesso de cadeiras no gramado e uso de sinalizadores nas arquibancadas também foram multas superiores as de ofensas raciais contra o malinês.
De acordo com a FPF, as multas não dizem respeito às manifestações racistas, mas sim às ofensas contra Marega, ao goleiro Marchesin e à própria Liga Portuguesa. Ainda segundo a FPF, um inquérito foi instaurado para apurar às ofensas ao atacante do clube do Porto e que poderá apresentar multa referente ao caso.

APOIO-SITE-PICPAY

Igor Rocha

Igor Rocha é jornalista, nascido e criado no Cantinho do Céu, com ampla experiência em assessoria de comunicação e escritor nas horas vagas. Editor e coordenador regional do Notícia Preta

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.