Linn da Quebrada critica fala transfóbica de Pedro Bial

APOIE O NOTÍCIA PRETA
Linn da Quebrada participou do Conversa com Bial em agosto de 2020 – Foto: Reprodução

A cantora e atriz Linn da Quebrada criticou a entrevista que o jornalista Pedro Bial conduziu com o ex-jogador de futebol Ronaldo, que foi ao ar na última quinta-feira (20), no programa Conversa com Bial. Durante o programa, o jornalista indagou Ronaldo sobre o episódio do envolvimento do jogador com algumas travestis, que trabalhavam como prostitutas, em 2008. Bial ainda se refere às mulheres usando o pronome masculino. “Dez anos depois, você quer falar sobre a história que envolve os três travestis?”, indagou Bial durante o programa. Em resposta, o jogador disse que “isso já foi falado. É uma coisa que me incomoda, mas só fiz mal a mim mesmo. Eu precisava era da Tábata [sua terapeuta atual] naquele momento fazendo a minha terapia. Foi um momento muito difícil, com certeza ligada ao álcool. Foi um momento muito difícil para mim naquela época”, declara.

Em um post nas redes sociais, a cantora Linn da Quebrada critica a postura do jornalista na realização da entrevista. “É um absurdo. Mesmo depois de ter entrevistado a mim e ter acesso a tanta informação, ainda assim, o Bial se permitir erros tão irresponsáveis e cruéis com nossos corpos. Uma transfobia que corrobora com todo processo de marginalização ligado às nossas identidades. Inadmissível”, declarou a cantora.

Print da publicação da artista Foto: Gabriel Renne/ Divulgação

A artista participou do programa em agosto de 2020, em que falou sobre a sua trajetória pessoal e como se encontrou na carreira de atriz, cantora e apresentadora, sem deixar de lado a sua luta por seus ideais. Ainda em tom de crítica à fala de Bial, a artista compartilhou nas suas redes uma publicação da pedagoga e assessora parlamentar Ana Flor. O texto também se refere ao episódio ocorrido na última quinta-feira (20). No texto, ela fala que o apresentador é visto como intelectual, mas ainda trata travestis no masculino.

Print da postagem da assessora parlamentar e pedagoga – Foto: Reprodução Twitter
APOIO-SITE-PICPAY

2 Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.