Jogadora de vôlei do Minas Tênis é alvo racismo

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Por Fernanda Souza

Na noite do último sábado (19), durante a transmissão do jogo entre Minas Tênis Clube e Praia Clube, pelo Desafio de Vôlei MG X RJ, que aconteceu em Sete Lagoas, a ponteiro do time mineiro, Deja MCClendon, foi alvo de injúria racial.

Print do comentário durante a transmissão da partida entre Minas e Praia Clube – Foto: Reprodução Internet

A transmissão estava sendo feito pela Federação Mineira de Voleibol, quando, durante o jogo, o internauta identificado como Rafael Santos pediu para tirar a “Macaca careca” da partida.

A Federação Mineira de Voleibol disse, em nota, que repudia qualquer ato preconceituoso e que o esporte preza por ideias contrárias a de pessoas que propagam ódio. Neste domingo, a equipe do Minas Tênis lamentou o ocorrido durante a partida em sua rede social.

Vários internautas manifestaram sua indignação quanto ao comentário racista, entre eles a jogadora Sheilla Castro, também jogadora do Minas. Ela disse que espera que o responsável por esse ato criminoso seja encontrado e punido.

Imagem da nota de repúdio do clube Mineiro – Foto: Redes Sociais Minas Tênis Clube

MCClendon, se apresentou ao clube em agosto deste ano para a temporada 2019/2020.

APOIO-SITE-PICPAY

1 Comment

  • Simples, o advogado do clube que deve ganhar muito bem, protocole uma notícia crime na delegacia de crimes virtuais, o delegado encontra rapidinho o engraçadinho racista, aí ele comparece a delegacia chorando dizendo que não é racista, tem um amigo preto, toma uma peninha do Judiciário e nunca mais faz isso! Pronto passamos aos outros casos!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.