Homem agredido na rua acredita que ataque foi motivado por racismo e homofobia

APOIE O NOTÍCIA PRETA

O jovem passeava com seu cachorro quando foi agredido por três homens

Robson e seu fiel companheiro. Foto: arquivo pessoal

Na tarde deste domingo (04), Robson Gael, de 33 anos, foi agredido por três homens enquanto passeava com seu cachorro no bairro da Consolação, centro de São Paulo. O blogueiro de viagens, que é negro e homossexual, denunciou o ataque através de seu perfil em uma rede social e o vídeo viralizou nesta segunda-feira (05).

Um morador da região onde a agressão aconteceu estava na janela e registrou o ataque ao blogueiro. Nas imagens é possível acompanhar quando três homens avançam contra Robson Gael, que segura seu cachorro e não aparentava condições de se defender diante das agressões sofridas. Transeuntes que passavam pelo local interviram na defesa do rapaz e, em determinado momento, agentes da Guarda Civil Municipal (GCM) tirara os agressores do local, mas os mesmos foram liberados sem identificação.

Em um vídeo Robson mostra as lesões, como cortes na boca, devido a agressão sofrida e diz que foi agredido pelo fato de ser “gay e negro”. ainda no vídeo, o rapaz reproduz as frases que ouviu dos agressores.

“Eu estava caminhando na rua com meu cachorro e eles começaram a me insultar. Me chamaram de negro safado, essas coisas todas e já vieram para cima de mim sem muito tempo para me defender. É galera, aconteceu em São Paulo, uma das capitais mais movimentadas do mundo, imagina aí nesses recantos do Brasil. […] Bom, estavam bêbados, possivelmente drogados, mas isso não é base para eles agredirem as pessoas. A sensação que eu tenho é de impotência, porque em pleno país onde a maioria da população é negra, a gente precise passar por umas coisas dessas. E para você que ainda acha que não existe racismo nesse país, esses cortes aqui na minha boca e as lesões que tenho pelo corpo seja uma prova viva”, desabafou Robson.

Em uma rede social Robson postou uma foto e agradeceu as mensagens de carinho e apoio que recebeu. “Quero agradecer a vcs dois , por estarem ao meu lado nesse momento de dor. A meu anjo peludo que não saiu do meu lado em nenhum momento, aos amigos , as desconhecidos e todas as palavras de amor . Falo OS BONS SÃO MAIORIA”, publicou o jovem. O Boletim de Ocorrência (BO) foi registrado e Robson deve seguir com os tramites legais para punir os agressores.

APOIO-SITE-PICPAY

Thais Bernardes

Formada em jornalismo pelo Institut français de Presse-Université Panthéon-Assas, em Paris e pelo Institut Pratique de Journalisme (IPJ), também na França, Thais Bernardes é jornalista, fundadora e CEO do portal Notícia Preta e podcaster do Canal Futura. Antes de concluir seus estudos na Europa, Thais cursou Relações Públicas na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), onde ingressou através do sistema de cotas. Após atuar como produtora no canal de TV France 2, em Paris, foi repórter no Jornal Extra, na rádio BandNewsFM e coordenadora de Comunicação da Secretaria de Estado de Direitos Humanos do Rio. Em novembro de 2018 a jornalista decidiu criar o portal Notícia Preta como forma de combater, através do jornalismo, o racismo e as desigualdades sociais.

1 Comment

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.