Curta-metragem “Ímã de Geladeira” estreia nesta segunda na Mostra de Tiradentes

APOIE O NOTÍCIA PRETA

O curta-metragem “Ímã de Geladeira” estreia nesta segunda-feira (24), às 19h, na Mostra de Cinema de Tiradentes e estará disponível no site oficial da Mostra. A obra de ficção utiliza o afro-surrealismo para discorrer sobre a violência aos corpos negros e periféricos e sua espetacularização pelos meios de comunicação de massa.

O filme traz a história de um casal que comprou uma geladeira usada e, junto, alguns problemas – Foto: Eduardo Freire

O enredo fala sobre a história de um casal preto, protagonista do filme “Ímã de Geladeira”, que não faziam ideia de que a compra apressada de um eletrodoméstico, após um curto-circuito, poderia oferecer tamanho risco. Mas só para pessoas negras.

Dirigido por Carolen Meneses e Sidjonathas Araújo, “Ímã de Geladeira” é inspirado pela filosofia afro-surrealista de que nada é mais aterrorizante para pessoas negras do que o racismo, uma ideia que ganhou visibilidade mundial com o longa-metragem “Corra!” (2017), de Jordan Peele, e no Brasil é uma aposta do cinema independente, a exemplo do curta “Egum”, de Yuri Costa.

Leia também: “SKiT”: Kamau e Slim Rimografia lançam o EP “Isso”

“Os filmes de terror convencional tendem a provocar um consenso sobre o que é aterrorizante como aquilo que ameaça as noções de uma vida racional, mundana e segura. Já os cinemas negros resgatam essa linguagem para debater como os corpos negros são os mais vulnerabilizados pelas sociedades afro-diaspóricas e para reposicioná-los como protagonistas das narrativas”, contextualiza Carolen, que, além de co-dirigir, assina o roteiro do curta.

O filme faz uma importante demarcação racial em um espaço que ainda é bastante branco e elitizado, como a maioria das mostras de cinema do Brasil. “Percebemos isso na composição dos times de curadoria e oficineiros, por exemplo, que têm baixíssima presença de profissionais negros”, detalha o co-diretor Sidjonathas.

APOIO-SITE-PICPAY

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.