Feira Nacional de Artesanato em Olinda tem Hall Futuro Black

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Segue até o próximo domingo (23) a Feira Nacional de Artesanato (Fenahall) em formato adaptado e protocolo sanitário em virtude da pandemia da Covid-19. O evento é realizado no Classic Hall, em Olinda, com 220 stands de artesãos brasileiros e estrangeiros. Pela primeira vez, a feira contará com um espaço para exaltar a ancestralidade e cultura negra: o ‘Hall Futuro Black’,

Os Afroempreendedores ocuparam o Hall Futuro Black da Feira – Foto: Divulgação Futuro Black

O espaço reúne 15 empreendedores negros dos setores da moda, acessórios, beleza, arte e gastronomia. “O racismo estrutural tira a oportunidades de empreendedores negros. É nosso dever, ao construir consciência racial, abrir as portas para que essas pessoas consigam ocupar mais espaços. É importante não naturalizar a ausência de pessoas negras em locais de destaque na sociedade. O Hall é uma grande oportunidade para esses trabalhadores”, afirma Dayse Rodrigues, que é consultora em diversidade racial e co-fundadora do projeto Futuro Black.

Leia também: Família de Martin Luther King e Kamala pedem ao Senado dos EUA que aja por direitos de voto

Ao final de cada dia, são realizadas apresentações itinerantes da academia de dança Fátima Freitas. A praça de alimentação conta com mesas bistrôs e não está sendo realizada venda de bebidas alcoólicas, com objetivo de promover uma maior rotatividade das pessoas.

Sobre o Futuro Black
O Futuro Black é um banco de talentos e de fontes profissionais pretas. Um projeto antirracista que trabalha como uma ferramenta de não reprodução de preconceitos e estereótipos em relação à população negra dentro e fora do mercado de trabalho. Na legislação brasileira, o Estatuto da Igualdade Racial garante políticas afirmativas para o fomento de um mercado de trabalho justo em oportunidades para todos. Assegurar igualdade de oportunidades é dever do Estado e da sociedade, conforme estabelece o artigo 2º do Estatuto (Lei 12.288/10).

APOIO-SITE-PICPAY

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.