Caso Moïse: “Há uma tentativa de transformar ele na pessoa que gerou o resultado da própria morte”, diz procurador da OAB

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Segundo o procurador da comissão de direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil -RJ, Rodrigo Mondego, há uma tentativa dos agressores em desqualificar Moïse Kabagambe para, assim, tentarem se defender.

Nesta quarta-feira (02), a mãe da vítima chegou por volta das 13h40 para prestar depoimento na Delegacia de Homicídios, que investiga a morte do congolês, espancado em um quiosque na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio. Ela estava acompanhada do advogado Rodrigo Mondego que a auxilia no caso.

“Existe uma tentativa de transformar ele na pessoa que gerou o resultado da própria morte. Falar que ele estaria alcoolizado, que estaria alterado”.

disse Mondengo em entrevista ao porta G1

Três homens foram presos pelo crime. No início da tarde desta quarta, eles foram levados para a cadeia José Frederico Marques, em Benfica, na Zona Norte do Rio. A cadeia em Benfica é a triagem do sistema prisional.

Moïse

LEIA TAMBÉM: ‘Foi no impulso’, diz homem que espancou jovem congolês no Rio

O advogado explicou ainda que Moïse fazia bicos no quiosque Tropicália e para outros bares próximos, e que ele dormia no trabalho para economizar.

“Moïse trabalhava na região, por conta da diária baixíssima que recebia, de não ter direito trabalhista, dormia no trabalho para poder não pagar duas passagens de ônibus e poder chegar em casa com um pouco mais de dinheiro para sustentar a sua família”

disse o representante da OAB-RJ.

Moïse não era um cara bêbado, aleatório que estava ali e que estão tentando transformar tentando pegar cerveja de forma aleatória“, disse.

Mondego contou ainda que a defesa e a família só tiveram acesso ao vídeo que mostra a morte do congolês pela imprensa, que o vídeo está picotado, e que vão pedir acesso ao conteúdo do inquérito.

APOIO-SITE-PICPAY

1 Comment

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.