BBB 22: “Para nós, a solidão se tornou um posicionamento político”, analisa escritora Carla Akotirene após choro de Natália

APOIE O NOTÍCIA PRETA

O debate sobre a solidão da mulher negra veio à tona mais uma vez nas redes sociais após a participante do BBB 22, Natália Deodato, chorar durante a festa do líder. A jovem ficou extremamente triste na madrugada desta quinta-feira (27), após presenciar um beijo entre Lucas e Eslovênia.

Mais cedo, Lucas e Natália estavam trocando carinhos e demonstrando proximidade na piscina da casa. O brother chegou a falar que ela era o “porto seguro” dele no programa. Após ver o beijo do rapaz com a ex-miss, Natália desabou e disse chorando: “Eu acho que não sou tão forte. Ninguém gosta de mim”. A designer de unhas foi consolada pelos participantes.

A escritora e intelectual Carla Akotirene fez uma análise sobre o fato em suas redes sociais e pontuou a questão da solidão e do preterimento das mulheres negras: “A verdade é que, para nós, a solidão se tornou um posicionamento político. Parcelas significativas estão fora do mercado afetivo devido a cor, a bagagem acadêmica, a corporeidade, o vitiligo, ou, porque recusam relações aonde estejam escondidas, produzindo sofrimento psíquico para outras mulheres que veem o salário do companheiro servir só pra pagar hotel clandestino, ao invés de quitar a escola do menino, e isto, sim, favorece a feminizacão da pobreza, bem como a pauperizacão das mulheres negras“.

BBB 22: Polícia identifica suspeito de vazar vídeo íntimo de Natália Deodato

Para Carla Akotirene é importante debater esta pauta que se apresenta na TV: “Ser sozinha é não ser escolhida pra o amor!!! E ter de encher a sua própria quartinha. De boas, não precisamos fortalecer o debate sobre solidão e preterimento de mulheres negras a partir das festas do BBB. Respeitemos a pauta política e a produção intelectual sobre o assunto”.

Dentro da casa, Natália passou mal e cogitou desistir do programa. Naiara, Linn e Jessi deitaram com a modelo e tentaram acalmá-la.

Nat, respira, você voltou de um Paredão“, pede Douglas Silva. “Ela está de cabeça quente dizendo que quer apertar o botão e ir embora“, conta Maria. “O que aconteceu? Que é isso agora?“, questiona Eliezer. “Eu quero ir para a minha casa“, desabafa Natália.

Não fala isso. Tem 200 milhões de pessoas te escutando. A sua palavra tem muita força“, aconselha Eliezer. “Isso tudo é muito forte“, declara a designer de unhas. “Não fala que você quer ir embora. Me escuta porque você vai se arrepender amanhã”, volta a orientar o brother de Volta Redonda.

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Thais Bernardes

Formada em jornalismo pelo Institut français de Presse-Université Panthéon-Assas, em Paris e pelo Institut Pratique de Journalisme (IPJ), também na França, Thais Bernardes é jornalista, fundadora e CEO do portal Notícia Preta e podcaster do Canal Futura. Antes de concluir seus estudos na Europa, Thais cursou Relações Públicas na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), onde ingressou através do sistema de cotas. Após atuar como produtora no canal de TV France 2, em Paris, foi repórter no Jornal Extra, na rádio BandNewsFM e coordenadora de Comunicação da Secretaria de Estado de Direitos Humanos do Rio. Em novembro de 2018 a jornalista decidiu criar o portal Notícia Preta como forma de combater, através do jornalismo, o racismo e as desigualdades sociais.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.