Polícia identifica suspeito de ofensas racistas contra Douglas Silva

APOIE O NOTÍCIA PRETA

A Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi), identificou o suspeito das ameaças e ofensas racistas contra o ator e participante do Reality Show Big Brother Brasil (BBB22), Douglas Silva. A informação foi divulgada na última quarta-feira (26).

Segundo a Decradi, o autor é um militante neonazista, com atuação no Rio Grande do Sul. Ainda na quarta-feira, o advogado do artista, Ricardo Brajterman, esteve na Delegacia para registrar o boletim de ocorrência. “Quando chegamos na delegacia vimos que o suposto autor dos ataques já tem processos criminais pelo mesmo crime em andamento. Então, a Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro e do Rio Grande do Sul estão em diálogo para trocar informações”, disse Brajterman.

Carol Silva, esposa de Douglas, foi à delegacia na última quarta-feira (26), após um blog usar uma foto do ator e escrever: “Douglas Silva, um macaco no ‘BBB'”. O texto foi publicado dia 21 de janeiro em um blog hospedado no site WordPress, mas não está assinado e diz: “Desde quando são permitidos macacos como integrantes de reality shows? Douglas Silva não passa de um primata, nada mais e nada menos”.

Leia também: BBB 22: Esposa de de Douglas Silva prestará queixa após ator ser chamado de ‘macaco’ por um blog

“O lugar desse preto fedido é trabalhando no sol quente numa lavoura e levando chicotada do nosso amigo Capataz Sancto”, continuava o texto.

O mesmo blog também publicou algumas postagens criminosas contra outros participantes do Reality. “Eu não entendi qual é o problema, já que só utilizaram o substantivo correto ao chamar ele de amigo, pois ele é HOMEM [sic]. Linn, não importa se você é usa peruca, maquiagem ou dá o c*, você nasceu com um pênis, vai continuar sendo um homem pro resto da sua vida”, escreveu sobre a participante Linn da Quebrada.

APOIO-SITE-PICPAY

3 Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.