Atleta de jiu-jitsu é agredido em ônibus da Viação Progresso, em Aracaju

APOIE O NOTÍCIA PRETA

O jovem Edivaildo Jhon Francis Oliveira Santos Silva, de 21 anos, foi agredido na tarde do último domingo (02), por volta das 15h, dentro do ônibus 5236, da Viação Progresso, que faz a linha Barra dos Coqueiros/Atalaia Nova, por homens que se diziam segurança da empresa.

As agressões começaram quando Edivaildo Jhon passou na catraca do coletivo junto com sua namorada, apesar de ser atleta de jiu-jitsu, o rapaz encontra-se desempregado e trabalha como segurança ou como monitor infantil quando é chamado, mas queria economizar o valor do transporte. Assim que passou no ônibus, o jovem afirma que um homem puxou sua camisa e mandou que ele pagasse a passagem. Para evitar problemas e um constrangimento maior, o jovem diz que nem questionou e falou que ia pagar, pediu para que o soltasse. Foi quando outro homem, que se identificou como segurança, chegou mais perto e deu tapas em seu rosto.

“Em nenhum momento eu cheguei a reagir ou tratei com falta de respeito com eles. Eu sabia que estava errado o que estava fazendo [não pagar a passagem do ônibus], mas o dinheiro estava pouco e eu disse para ela passar juntos na catraca. Nunca pensei passar por isso. Só queria economizar, sabe? Eu sou atleta, faço uns bicos como segurança e monitor de brinquedos infantis, quando aparece. Mas, tá difícil”, afirmou Edivaildo Jhon.

O atleta ainda foi retirado do ônibus onde foi espancado com chutes, socos e até uma máquina teaser (máquina de choque) foi usada. Os agressores ainda levaram o jovem para uma região de mangue, tentando se afastar das pessoas que gritavam no coletivo, mas pela dificuldade do local o espancamento não continuou. A violência aconteceu em Barra dos Coqueiros.

Jovem agredido. Foto: Arquivo pessoal

“Tem racismo aí, porque foi do nada. Porque se eu fosse branco, eu acho que não teria feito isso comigo, não. Viu eu sozinho também, só com a menina. Tem tanta gente fazendo coisa errada e eles não dizem nada. Eu tentei, disse o tempo todo que ia pagar a passagem e eles nem quiseram saber. Minha namorada está bem, não foi agredida, mas ela ficou em estado de choque na hora”, afirma o jovem.

No final de 2019, o atleta foi Campeão Norte/Nordeste na categoria adulto, faixa roxa, pena e terceiro absoluto do Cirtuito Norte Nordeste de Brazilian Jiu-jitsu 2019 – NNEBJJ. Com pontos no rosto e escoriações por todo o corpo, o jovem, registrou Boletim de Ocorrência na 3º Delegacia de Flagrantes em Aracaju e aguarda orientações do advogado para entrar com uma ação judicial.

Em um vídeo gravado por um dos passageiros do coletivo é possível ver as agressões. Edivaildo Jhon Silva é agredido por dois homens brancos.

Em nota, a Viação Progresso afirma que está apurando e não compactua com nenhum tipo de violência. No entanto, questionada a empresa não respondeu se possui profissionais de segurança dentro dos coletivos. Confira a nota na íntegra:

“Sobre o caso ocorrido na Barra, em um dos ônibus do Grupo Progresso, envolvendo passageiros, a empresa informa está apurando a situação, mas desde já se soma ao entendimento das demais empresas operadoras do transporte público coletivo, de que não compactuam com nenhum tipo de ação de violência. Da Viação Progresso.”

APOIO-SITE-PICPAY

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.