A campanha que levou Gâmbia à inédita vaga na CAN

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Por Rubens Guilherme Santos

Sem grande tradição no futebol, os Escorpiões fizeram história ao conquistarem a classificação para a Copa Africana de Nações (CAN) de 2022. Essa é a primeira participação de Gâmbia no principal evento do futebol no continente. Repleta de jovens jogadores que atuam na Europa, como Musa Barrow e Ablie Jallow, o país faz história nos Camarões, ao chegar à fase eliminatória da competição.

Gâmbia classificou para a primeira CAN da sua história em 2022 – Foto: Confederação Africana de Futebol

O longo caminho até a CAN 2022

Por estar nas posições mais abaixo no Ranking Fifa, os Escorpiões deram início na fase preliminar das Eliminatórias da CAN 2022. O adversário da vez foi o Djibuti. Após empatar na ida e na volta por 1 a 1 (2 a 2 no agregado), Gâmbia conseguiu a classificação para a fase de grupos das qualificatórias após vencer os adversários nos pênaltis, por 3 a 2 .

O sorteio da Confederação Africana de Nações, CAF, colocou os gambianos no Grupo D, ao lado de Angola, República Democrática do Congo e Gabão, seleções com mais tradição no futebol africano. Apenas os dois primeiros colocados conquistariam a vaga na CAN dos Camarões.

Leia também: O reconhecimento Senegalês

Na primeira rodada, em novembro de 2019, Gâmbia viajou até Angola e conquistou uma ótima vitória, por 3 a 1. Na sequência, receberam a RD Congo em casa e arrancaram um empate, 2 a 2. No último jogo do turno, os gambianos sofreram sua primeira derrota nesta fase, com placar de 2 a 1 para o Gabão.

Na quarta rodada, os adversários foram novamente os gaboneses. Só que dessa vez, o jogo foi nos domínios dos Escorpiões, que deram o troco e venceram As Panteras também por 2 a 1. A quinta e penúltima rodada foi decisiva, pois foi ela quem definiu as classificações no grupo.

Com sete pontos naquele momento, os gambianos buscavam a vitória contra Angola para assegurar a vaga na Copa Africana de Nações dos Camarões. Os gambianos fizeram valer o fator casa e, com gol de Assan Ceesay, autor de três gols da seleção na fase de grupos, os Escorpiões venceram os Palancas Negras por 1 a 0.

A história estava escrita. Surpreendentemente, com 10 pontos ao final das seis rodadas, Gâmbia assegurou seu posto na Copa Africana de Nações pela primeira vez na história. Gabão também alcançou a mesma pontuação, mas ficou na segunda colocação nos critérios de desempate. Nem mesmo a derrota para a RD Congo por 1 a 0, na sexta rodada, estragou a festa do pequeno país da África Ocidenal.

APOIO-SITE-PICPAY

1 Comment

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.