Professor lança livro sobre Barbosa, ex-goleiro do Vasco e seleção brasileira

APOIE O NOTÍCIA PRETA

“Desculpas, meu ídolo Barbosa” é o título do livro ficcional do professor Jorge Santana, que conta a história do goleiro negro e ídolo do Vasco da Gama e da Seleção Brasileira, Moacir Barbosa. Será lançado na próxima quinta-feira (12), às 18h, na sede da editora Multifoco, no centro do Rio de Janeiro.

Foto: Divulgação

O prefácio é assinado pelo jornalista Juca Kfouri e o texto de orelha por Marcelo Carvalho, diretor do Observatório da Discriminação Racial no Futebol. O lançamento contará com uma mesa de debate sobre obra formada pelo escritor Luiz Antônio Simas, pelo Doutor em História do Futebol, Eduardo Gomes, a filha do ex-goleiro Barbosa, Tereza Borba, pelo historiador David Gomes, e o autor Jorge Santana como mediador.

Desculpas, meu ídolo Barbosa é um romance histórico sobre o goleiro negro Moarcy Barbosa. Após a perda da Copa do Mundo em 1950, o protagonista é julgado sob acusação de traição à pátria. Marielo, seu advogado, militante do movimento negro e comunista, o defende no tribunal com cinco teses que passeiam pela política, nacionalismo, futebol e racismo. No decorrer da história são explorados dramas da vida, tanto de Barbosa como de seu advogado, ao longo dos 50 anos após o “Maracanazo”.

“O livro é uma homenagem ao grande goleiro e ídolo do Vasco da Gama, que completaria 100 anos, em 2021. Para além de celebrar o talento e resiliência do arqueiro cruzmaltino, o romance tem também como objetivo denunciar o racismo e explorar a brilhante carreira do arqueiro Moacir Barbosa. Um episódio que deixou marcas profundas na história brasileira e que rende efeitos e consequências até os dias atuais. Falar de Barbosa é desnudar as camadas de racismo do Brasil e exaltar um dos maiores goleiros da história do nosso país”, afirma o autor.

Leia também: Defensora pública chama entregador de “macaco” em Niterói

Jorge Santana é formado em licenciatura plena em História pela UERJ, mestre em Ciências Sociais pela UERJ e doutorando em Ciências Sociais pela mesma instituição. Atuou como professor de História em escolas da rede privada, cursos pré-vestibulares e preparatórios para concursos.  Foi um dos diretores do documentário “Nosso Sagrado”, lançado em 2017, pela Quiprocó Filmes. É membro do Coletivo Negro de Historiadores Tereza de Benguela e também um dos criadores do site Galeria de Racistas, em parceria com o Notícia Preta.

APOIO-SITE-PICPAY

Igor Rocha

Igor Rocha é jornalista, nascido e criado no Cantinho do Céu, com ampla experiência em assessoria de comunicação e escritor nas horas vagas. Editor e coordenador regional do Notícia Preta

2 Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.