Mulheres negras representam apenas 6,3% das candidaturas à prefeitura das capitais brasileiras

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Na corrida pelo comando das prefeituras das 26 capitais do Brasil neste ano, apenas 20 mulheres negras na disputa. No total, são 317 candidatos, e as mulheres negras representam 6,3%. Quando comparado ao número de candidaturas negras, que são 107, as mulheres negras representam somente 18,6%.

Cinco partidos de esquerda concentram 55% das candidaturas de mulheres negras nas capitais, são eles: PSOL (4), PSTU (3), PT (2), PCdoB (1) e UP (1). Outros nove partidos terão uma representante em cada: Cidadania, Democracia Cristã, PMB, Podemos, PROS, PSC, PSDB, PSL e PV. As informações foram publicadas no portal Brasil de Fato.

Dos 33 partidos do país, 19 não terão candidaturas de mulheres negras nas capitais brasileiras.  Em Manaus (AM), onze candidatos disputarão o poder no município, todos homens. 

Em 12 capitais brasileiras, quase metade do país, não haverá candidatura de mulheres negras. Rio Branco (AC), Manaus (AM), Fortaleza (CE), São Luís (MA), Campo Grande (MS), Belém (PA), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Porto Alegre (RS), Recife (PE), Porto Velho (RO) e Boa Vista (RR).

A capital que concentra o maior número de mulheres negras concorrendo à prefeitura é o Rio de Janeiro (RJ) com as candidaturas de Benedita Silva (PT), Renata Souza (PSOL) e Suêd Haidar (PMN).

APOIO-SITE-PICPAY

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.