Manoel Soares recebe título inédito de Embaixador Cultural da União Africana 

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Vivendo um grande momento na carreira, o apresentador e escritor Manoel Soares, acaba de ser nomeado Embaixador Cultural da União Africana pelo Conselho Econômico e Cultural da The African Pride, organização que existe desde 2002 e que vem promovendo a integração entre os países do continente africano. O apresentador desembarcou na Tanzânia, na última quinta-feira (27), ocorreu a cerimônia de entrega do título. Com o título, Manoel representará a América Latina nos esforços pelo cumprimento da agenda 2063, documento que reúne metas a serem atingidas para a reparação de injustiças antepassadas e a concretização da África como protagonista do Século XXI. 

Foto: divulgação

“Esse é um dos pontos mais fortes da minha carreira, é uma grande honra ser um dos embaixadores dos 20 países africanos que fazem parte da União. Tenho a missão de apresentar o continente Africano ao mundo, e o farei com muito orgulho e usando a bagagem e experiências que construí ao longo da vida na busca por mais igualdade, representatividade e desenvolvimento da cultura africana no Brasil”, conta Manoel.

Manoel tem raízes e experiências culturais, que deixam essa conexão mais forte e viável, e sua paixão, visão e iniciativa beneficiarão o Projeto da União Africana.   

Foto: divulgação

LEIA TAMBÉM: Comitiva brasileira formada por mulheres é destaque durante o FESTAC, na Tanzânia

Nascido na Boca do Rio, periferia de Salvador/Bahia e atuando há mais de 20 anos nas áreas de processos comunicacionais e gestão social, o novo Embaixador Cultural da União Africana é Presidente Estadual e co-fundador da CUFA RS – Central Única das Favelas, além de também atuar como apresentador da TV Globo; é escritor, palestrante e educador midiático. Ao longo da carreira, Manoel tem se dedicado a mostrar os aspectos positivos e construtivos das favelas e periferias e acumula prêmios, entre eles o 50º Prêmio Ari de Jornalismo e o Prêmio de Excelência Jornalística da Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP).

Além da experiência em rádio e jornal, participou ativamente da Campanha Crack Nem Pensar, que abordou o tema da prevenção ao uso de crack e alcançou mais de 12 milhões de pessoas em Santa Catarina e Rio Grande do Sul. 

APOIO-SITE-PICPAY

2 Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.