Jovem amarrado com corda no pescoço e arrastado em Goiás

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Um rapaz de 18 anos que foi amarrado com uma corda no pescoço e arrastado após um cavalgada em Alto Paraíso de Goiás, na região nordeste do estado. O caso aconteceu na madrugada do último domingo (19). Nas imagens é possível ver que o garoto tenta segurar a corda, mas continua sendo puxado e arrastado pela lama. Outras pessoas que estão no local não fazem nada para impedir, somente riem da situação.

“Eu estou horrível, não tenho nem palavras para descrever isso. Eu quero justiça, que ele tenha a punição que ele merece”

disse a vítima, que preferiu não se identificar, em entrevista ao G1.

O homem que aparece nas imagens puxando o jovem foi localizado e prestará depoimento nos próximos dias.

No vídeo é possível ver outras pessoas que estão no local não fazem nada para impedir, somente riem da situação.

“O público batia palma. Depois de arrastar ele, o jogaram em uma vala. A gente é humilde, mas somos seres humanos. Ele tem pai, tem família, tem gente por ele”

afirmou o pai do rapaz em entrevista ao G1

LEIA TAMBÉM: Homem negro amarrado por policiais nos EUA pede indenização de US$ 1 milhão

Em nota, a HC Festas e Eventos, responsável por realizar a cavalgada, informou que as agressões contra o jovem aconteceram após o encerramento do evento e que a festa “contou com 10 seguranças da equipe afim de evitar e/ou conter brigas e tornar o evento um local seguro”.

O proprietário da fazenda onde aconteceu o acidente é o prefeito do município, Marcos Rinco (DEM). Em um vídeo divulgado nas redes sociais o administrador lamentou sobre o ocorrido e disse que, apesar de ser dono do local, nada tem a ver com o que aconteceu.

APOIO-SITE-PICPAY

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.