Denúncias de injúria racial no DF aumentam 16,2% em um ano

APOIE O NOTÍCIA PRETA

As denúncias de casos de injúria racial aumentam 16,2% nos primeiros meses de 2022 no Distrito Federal (DF). Ao todo, foram 208 ocorrências de janeiro até início de maio, contra 179 no mesmo período de 2021. Os dados são da Secretaria de Segurança Pública do DF (SSP/DF).

Os registros aumentaram mais de 16% em comparação ao mesmo período do ano passado – Foto: Freepik

Ainda de acordo com o levantamento, no ano passado as delegacias registraram 562 ocorrências, sendo o número mais alto dos últimos sete anos e 28,89% maior que em 2020. Na última semana, uma idosa foi presa por chamar uma cobradora e uma passageira de um ônibus de “macaca”. Além disso, mulher identificada como Leila Gomes de Oliveira, disse ainda que “pessoas dessa cor” só querem o dinheiro dela.

No dia 23 de maio, a ex-recepcionista de uma clínica particular da cidade de Planaltina, no Distrito Federal, registrou um Boletim de Ocorrência (B.O.) por injúria racial. O motivo foi o comentário do dono e da gerente da empresa que disseram para ela alisar o cabelo. Em entrevista ao G1, Hellen Crystine Alves, de 20 anos, contou que desde do primeiro dia de trabalho ouvia para escovar o cabelo ou alisar. 

Leia também: Instituto Marielle Franco relança campanha para cobrar de partidos aplicação de Lei de Violência Política

“A gerente me viu e falou na frente de dois pacientes e de uma outra funcionária: ‘Hellen, se olha no espelho, olha o jeito que está o seu cabelo!’. Fiquei muito nervosa e não soube reagir. Eu realmente travei e logo depois fui para o banheiro chorar porque estava tremendo muito. Me senti humilhada. Foi uma situação que jamais imaginei passar na minha vida”, lamenta Hellen.

Em abril, o estudante Matheus Antunes, de 26 anos, denunciou duas mulheres por um vídeo postado em um perfil de uma rede social que elas falam “é preto e ainda fica tirando os outros de tempo” e a outra disse “não passa um desodorante”. O caso aconteceu na cidade de Gama, DF, durante um campeonato esportivo da Universidade Federal de Brasília (UnB). 

APOIO-SITE-PICPAY

1 Comment

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.