Blackrocks e Itaú potencializam negócios de empreendedoras negras do RN

APOIE O NOTÍCIA PRETA

A startup brasileira Blackrocks, em parceria com o Itaú Unibanco e a International Finance Corporation (IFC) potencializam o Projeto Quartzo da startup e o Sebrae-RN. O objetivo da ação é potencializar até 20 empreendimentos exclusivamente de mulheres negras do Rio Grande do Norte, por meio de transformação digital durante 4 meses. As mentorias serão realizadas no foco de cada empresa, ferramentas e capacitações, como por exemplo digitalização, gestão financeira e acesso ao mercado.

A ação faz parte do programa Itaú Mulher Empreendedora, fruto da colaboração entre o Itaú e o IFC desde 2013, o intuito é inspirar, capacitar e conectar mulheres empreendedoras. Nesta edição, o projeto Quartzo da Blackrocks e do Sebrae-RN foi o escolhido para realizar a seleção das empreendedoras e escolheram até 20 empresas do Rio Grande do Norte. De acordo com o Sebrae, a região Norte e Nordeste do país detém 32% de mulheres à frente de empresas do Brasil. A edição de 2020 também ocorreu no Norte e Nordeste e os micronegócios destacados foram em sua maioria de mulheres negras e indígenas. As seis finalistas ganharam R$ 10 mil em investimentos.

Leia também: FUNAFRO abre inscrições para curso de afroempreendedorismo

A Blackrocks é uma startup fundada por Maitê Lourenço em 2016, com o objetivo de ascensão da comunidade negra em ambientes altamente inovadores e tecnológicos. Liderada por mulheres negras, a empresa apoia e conecta empreendedores e profissionais negros a ecossistemas de inovação e desenvolvimento, aumentando, assim, a diversidade racial no setor e potencializando oportunidades fomentando a inovação. As inscrições estão abertas até 04 de julho

APOIO-SITE-PICPAY

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.