Beyoncé lança coleção de roupa inspirada na cultura dos memes

APOIE O NOTÍCIA PRETA

A cantora Beyoncé lançou na ultima sexta-feira (09) uma linha de roupas e acessórios com os melhores momentos de sua carreira. A coleção BeySearch, que está à venda apenas no site oficial da cantora, mergulha na cultura dos memes.

O padrão da nova linha surgiu a partir das milhões de fotos surgem quando pesquisamos o nome da diva no Google. Vestidos, chapeus, camisas, bermudas, calças e até capas de celular estão a venda no site da cantora.

A ideia desta coleção foi capturar a estética dos anos 90, quando os fãs adolescentes colavam posteres dos ídolos nas paredes do quarto. Agora, os fãs de Beyoncé podem andar pelas ruas com dezenas de fotos estampadas na roupa.

O estilo das peças escolhidas para a BeySearch vieram das maiores tendências encontradas durante a temporada de festivais de música deste ano, nos Estados Unidos, como o chapéu de pescador, que custa R$158, e a pochete, à venda por R$177

São apenas 12 artigos diferentes para homem e para mulher. O mais barato é uma capa de celular que está à venda por R$ 158 e o mais caro é um conjunto de top e biker que custa R$ 670.

APOIO-SITE-PICPAY

Thais Bernardes

Formada em jornalismo pelo Institut français de Presse-Université Panthéon-Assas, em Paris e pelo Institut Pratique de Journalisme (IPJ), também na França, Thais Bernardes é jornalista, fundadora e CEO do portal Notícia Preta e podcaster do Canal Futura. Antes de concluir seus estudos na Europa, Thais cursou Relações Públicas na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), onde ingressou através do sistema de cotas. Após atuar como produtora no canal de TV France 2, em Paris, foi repórter no Jornal Extra, na rádio BandNewsFM e coordenadora de Comunicação da Secretaria de Estado de Direitos Humanos do Rio. Em novembro de 2018 a jornalista decidiu criar o portal Notícia Preta como forma de combater, através do jornalismo, o racismo e as desigualdades sociais.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.