Adolescente é assassinada pela polícia em Ohio (EUA)

APOIE O NOTÍCIA PRETA
Ma’Khia Bryant foi atingida por quatro disparos e não resistiu aos ferimentos – Foto: Reprodução / Internet

Em mais um caso de violência policial nos Estados Unidos, uma adolescente negra de 16 anos foi assassinada a tiros pela polícia em Columbus, no estado de Ohio, na última terça-feira (20). Segundo a polícia, a jovem teria ameaçado outras duas meninas com uma faca. A morte da jovem, identificada como Ma’Khia Bryant, repercutiu rapidamente nas redes sociais e gerou protestos em frente à sede da polícia na capital de Ohio. O ocorrido se deu pouco antes do veredito do julgamento de assassinato ao ex-policial Derek Chauvin pela morte de George Floyd.

As imagens divulgadas são da câmera no corpo do policial que, segundo as autoridades, respondeu a um chamado de tentativa de esfaqueamento às 16h45. O vídeo mostra o policial se aproximando e uma movimentação caótica. Com o que aparenta ser uma briga e então uma garota é derrubada no chão, e logo em seguida 4 tiros são disparados. 

Assista o vídeo clicando aqui

A identidade do policial que efetuou os disparos não foi divulgada e, de acordo com autoridades, ele não atua mais nas ruas de Columbus. No Twitter, o prefeito da cidade, Andrew Ginther, disse que estão trabalhando para revisar as imagens da câmera e que a Bureau of Criminal Investigation (BCI) está conduzindo uma investigação independente. Para o diretor de segurança pública de Columbus, Ned Pettus Jr., a família de Ma’Khia merece respostas. “Não importa quais sejam as circunstâncias, aquela família está em agonia e eles estão em minhas orações […] eles merecem respostas”, disse.

Reincidencias

Em maio de 2020, George Floyd foi assassinado por um policial, depois de ficar mais de 8 minutos agonizando e implorando pela vida. Já no último dia 11 de abril, Dauter Wright, um jovem de 20 anos, também foi assassinado por uma policial também em Minnesota, depois que a agente se confundiu entre um tesar (arma de choque) e uma arma de fogo. Segundo comunicado da polícia, Dauter Wright foi parado no trânsito, depois de cometer uma infração, durante a abordagem eles notaram que o jovem tinha um mandado de prisão aberto

APOIO-SITE-PICPAY

1 Comment

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.