Versão online da Festa Literária das Periferias homenageia Lélia Gonzalez e Carolina Maria de Jesus

APOIE O NOTÍCIA PRETA
Autora Carolina Maria de Jesus

A nona edição da Flup (Festa Literária das Periferias) será em homenagem as autoras Carolina Maria de Jesus e Lélia Gonzalez, escritoras que estão na origem do feminismo negro brasileiro.

A programação da nona edição do evento, que este ano será digital, tem início na próxima quinta-feira (29), com o lançamento do livro Por um Feminismo Afrolatinoamericano, organizado por Flavia Rio e Márcia Lima, que traça um panorama amplo da obra da filósofa e antropóloga Lélia Gonzalez, pensadora tão múltipla quanto engajada. No mesmo será exibido o documentário ‘Quadro Negro’, de Bruno F. Duarte e Sil Bahia, sobre a juventude negra que reinventou o cotidiano das universidades brasileiras.

O festival também acontece nos dias 30 e 31 de outubro e 1º, 6, 7 e 8 de novembro. Além das mesas de debates no Rio de Janeiro, haverá discussões transmitidas diretamente de Paris, Edimburgo, Madri, Johanesburgo, Lisboa e Madri.

APOIO-SITE-PICPAY

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.