Torcedores do Athletico fazem gestos racistas contra torcedores do Atlético Mineiro

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Um vídeo circula nas redes sociais mostra torcedores do Athletico fazendo gestos racistas, imitando macacos e se direcionando a torcedores do Atlético Mineiro, durante a partida realizada na última quarta-feira (15), em Curitiba, na partida válida pela final da Copa do Brasil. 

Os gestos eram direcionados a torcedores do time mineiro que estavam em um setor acima dos paranaenses. No vídeo, é possível ver os dois que gesticulavam e apontavam para o braço, indicando a tonalidade da pele e imitando macacos. 

A jornalista Bianca Molina, que divulgou o vídeo, fez um relato no Twitter, repudiando a atitude dos torcedores paranaenses. Futebol não tem nada a ver com racismo. Racismo NÃO É zoeira. Racismo NÃO é corneta. Racismo NÃO É mimimi. RACISMO É CRIME. Esses dois homens ficaram boa parte do 2°tempo imitando macacos e gesticulando de forma pejorativa para torcedores do Atlético-MG – provavelmente, negros”, escreveu.

Reações

No último domingo (12), o rapper Djonga acertou um soco em um segurança do Mineirão, depois de um ato racista, segundo o artista. Na segunda-feira (13) o músico se defendeu e disse que “sobre Racismo, Discriminação, Pessoas Invasivas, não se prova e não se explica, alguns vão acreditar outros não, a maioria das vezes passa batido, dessa vez reagi a um soco e perdi a cabeça mesmo. O vídeo é um trecho do que rolou, o resto tá guardado na memória. Fiz tá feito!”, afirmou.

Até o fechamento desta matéria, nem o Athletico, nem o Atlético Mineiro se pronunciaram sobre o acontecido. 

APOIO-SITE-PICPAY

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.