PM que aparece em vídeo agredindo mulher com socos é afastado

APOIE O NOTÍCIA PRETA

O policial militar (PM) que aparece em um vídeo agredindo mulher com socos e joelhadas, no último sábado (25), no bairro Lameirão, em Guarapari, no Espírito Santo, foi afastado do trabalho. O outro agente que aparece no vídeo também foi afastado.

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) disse que a vítima foi encaminhada pra uma unidade de saúde de Guarapari. De acordo com a Polícia Militar, um inquérito policial militar foi aberto para apurar o caso. O prazo para a conclusão do inquérito é de 40 dias, podendo ser prorrogado.

O caso ocorreu no último sábado (25), em Guarapari, no Espírito Santo. Em um vídeo que viralizou na internet, um policial agride a mulher com socos e joelhadas, nas imagens é possível ver ainda, que mesmo no chão e imobilizada, o agente dá um tapa em seu rosto.

Leia também: Jovem que estudava em escola da PM é morto em ação da polícia

A Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar se posicionou em defesa dos PMs, que não tiveram os nomes divulgados, por meio de nota. No comunicado, afirmou que o policial “agiu em legítima defesa, uma vez que ele foi atacado e mordido pela agressora”.

Assim que a Polícia Militar tomou conhecimento das imagens, a Corregedoria abriu o inquérito para apurar o fato e a conduta dos policiais. O governador Renato Casagrande (PSB) se posicionou sobre o caso em uma rede social e afirmou que a situação é “inaceitável” e que fará uma “apuração rigorosa”.

APOIO-SITE-PICPAY

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.