Nave Gris Cia Cênica estreia a videodança “Corredeira”

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Está em cartaz, de quinta a domingo, até o dia 15 de agosto, a videodança “Corredeira”, um solo interpretado por Kanzelumuka, bailarina e diretora artística da Nave Gris, as imagens, captadas na cidade de São Paulo, percorrem lugares marcados pela presença das águas sob a forma de nascentes, rios visíveis e invisíveis.

Imagem de Corredeira: ligação das águas ao saber ancestral do corpo feminino. Foto: Noélia Najera

O projeto conta com diversas atividades visando a difusão da produção artística e de sua atuação cultural através da circulação dos espetáculos, Corredeira e A-VÓS, e da realização de Ações (per)Formativas que se relacionam com o veios poéticos de cada um de seus espetáculos. “Esse projeto reflete e potencializa a atuação da companhia que, desde seu princípio, tem associado transversalmente produção artística à realização de ações formativas e encontros que possibilitem espaços para a troca de saberes e experiências com outros artistas e coletivos”, ressalta Kanzelumuka.

Leia também: Espetáculo discute suspeição de corpos negros na sociedade

A videodança Corredeira foi concebida a partir do solo homônimo dançado por Kanzelumuka, que estreou em 2017. O espetáculo original nasceu da percepção das águas que correm para o mar e da relação do poder ancestral ligado às águas no corpo feminino. A videodança foi filmada em três regiões da cidade de São Paulo: Parque Linear Cantinho do Céu às margens da Represa Billings, na sede e no entorno do Coletivo Cultural Esperança Garcia em Taipas, na Zona Noroeste, e às margens do rio Tietê, e no Jardim Romano, na Zona Leste. A gravação seguiu todos os protocolos de seguranças sanitárias. “Na construção da videodança Corredeira, outros artistas passam a dividir conosco a autoria da obra, como Osmar Zampieri que assina a direção de vídeo e edição. Além disso, a presença dos espaços amplifica a dimensão do movimento para além do corpo e da ação da bailarina; o espaço também dança, incorporando ao trabalho outros significados”, diz Murilo De Paula, também diretor artístico da Nave Gris e que assina a codireção e dramaturgia da obra.

Serviços:

Corredeira

Julho e Agosto

Dia e horário: de 29/07 a 15/08, de 29/07 a 15/08, quinta a domingo, 20h

Local: Canal do YouTube da Nave Gris

APOIO-SITE-PICPAY

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.