Preço dos alimentos e da gasolina deve continuar crescendo em 2022 devido a alta da inflação, prevê mercado financeiro

APOIE O NOTÍCIA PRETA

A elevação nos preços dos produtos em supermercados e o aumento da gasolina devem continuar entre as principais preocupações de grande parte dos brasileiros, sobretudo a população negra e pobre, em 2022. Isso por que, para este ano, a expectativa do mercado financeiro para a inflação, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) aumentou de 5,38% para 5,44%, a quarta subida projetada, conforme o boletim FOCUS, divulgado pelo Banco Central (BC) nesta segunda-feira (07/02).

O centro da meta de 2021 ficou muito acima do projetado – Foto: Inflação foi menor para classes de renda mais altas em 2021, aponta Ipea

Em relação à previsão da taxa básica de juros, a taxa Selic, a projeção ficou em 11,75% no primeiro semestre, atingindo os dois dígitos pela primeira vez, desde julho de 2017, quando estava em 10,25% ao ano. Em comunicado, o Comitê de Política Monetária (Copom) indicou que continuará elevando os juros básicos até que a inflação esteja controlada no médio prazo.

Vale lembrar que, no ano passado, o centro da meta da inflação foi projetado para 3,75%, mas fechou o anos a 10,06%, muito acima do esperado. Situação que fez o presidente do BC enviar uma carta ao ministro da economia, Paulo Guedes, explicando os motivos do não cumprimento. Sendo assim, a sexta vez que a justificativa foi feita desde a criação do sistema de metas, em 1999.

APOIO-SITE-PICPAY

Wellington Andrade

Jornalista formado pela FACHA (Faculdades Integradas Hélio Alonso) e pedagogo pela UERJ. Atualmente escreve para o Portal Notícia Preta e atua no segmento de assessoria de imprensa em parceria com a agência Angel Comunicação. Possui passagens por diferentes veículos como repórter, produtor e apurador, dentre eles TVs Record, SBT e Rede Vida de Televisão, além das rádios Bicuda FM, Nativa FM, Tupi AM e FM, Revista Ziriguidum Nota 10 e no portal especializado em Carnaval SRZD, do jornalista Sidney Rezende. Instagram: @reporterwellingtonandrade

2 Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.