Lei que destina R$ 300 milhões para o auxílio gás é sancionada e alguns beneficiários podem começar a receber na próxima semana

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Após a matéria ser aprovada no Congresso Nacional na semana passada, o lei do auxílio gás foi sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta terça-feira (22). O projeto de lei abre crédito especial de R$ 300 milhões para custear o auxílio gás.

Os recursos são destinado às a famílias de baixa renda e auxiliará na compra do gás de cozinha com o equivalente a 40% do preço do botijão. O valor do benefício é de R$ 52 e será concedido a cada dois meses para famílias com renda de até meio salário-mínimo (R$ 550).

O governo planeja pagar na próxima semana o auxílio gás para uma parte dos beneficiários do programa.

Essa primeira parcela não deve atender, no entanto, todas as cinco milhões de famílias elegíveis. A pasta comandada por João Roma está correndo para conseguir operacionalizar o pagamento.

auxílio gás
Governo planeja pagar auxílio gás na próxima semana para alguns beneficiários

LEIA TAMBÉM: Governador de MG afirma que as pessoas gastarão auxílio emergencial em bar

Segundo o governo federal, a previsão é que o benefício alcance mais de cinco milhões de famílias de baixa renda em todo o país.

Serão beneficiadas famílias inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), com renda familiar mensal per capita menor ou igual a meio salário mínimo, ou que morem na mesma casa de beneficiário do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.