Belo Horizonte recebe mostra de cinema afro

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Por Fernanda Souza

Entre os dias 1º e 23 de novembro Belo Horizonte recebe a Mostra CineAfro BH: O Quilombo Urbano de Fé, sendo parte do Novembro Negro, em alusão ao Dia da Consciência Negra, comemorado dia 20.  

O assunto central da mostra é a importância do diálogo em relação as tradições e valores culturais que existem nos quilombos e na cultura afro brasileira. Pensando nisso, a terceira edição da mostra vem dividida em quatro diferentes programações: Quilombola, Religiosidades, Panorama e Resistência.

A Mostra começa neste final de semana, no Museu da Imagem e Som, no bairro Santa Tereza, com a programação Quilombola. O primeiro longa a ser apresentado será Favela e Diáspora, da mineira Gabriela Matos. Através da sua câmera, a cineasta registrou um momento doloroso para os moradores do Morro do Papagaio:  a desapropriação.

Em única apresentação, no dia 2 de novembro, a programação Religiosidades vai exibir os curtas A Mulher da casa do Arco-íris, de Gilberto Alexandre; Kabadio, de Daniel Leite, e Humanis Causa, de Lucas de Jesus.

Já nos dias 9,14 e 23, a Mostra vai migrar respectivamente para a Pedreira Prado Lopes, Centro de Referência da Juventude, na Associação Casa Madre Teresa de Calcutá.

Programação completa no site

https://www.mostracineafrobh.com/copia-programacao-edicao-2

APOIO-SITE-PICPAY

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.