Rapper Samora N’Zinga lança álbum falando sobre Crise ambiental e pandemia

APOIE O NOTÍCIA PRETA

O rapper mineiro Samora N’Zinga lança, no próximo dia 12 de novembro, o álbum “Amor e Fim do Mundo”, com 10 músicas sobre amor, crise ambiental e pandemia. Do estilo AfroBeat, o cantor mistura reggae, jazz e funk para trazer uma reflexão em relação ao meio ambiente.

Capa do terceiro álbum do artista – Foto: Divulgação

De acordo com o rapper, formado em Ciências Socioambientais pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), o cenário do rap atual vai contra a sua essência de falar e expor a realidade social ao não ter músicas baseadas no meio ambiente. “O maior conflito que a gente vive hoje é justamente o meio ambiente, e isso parece que está sendo negligenciado pelas artes. E o RAP, conhecido pela presença de pautas sociais em suas obras, não tem dado a devida atenção para essa questão”, afirma o cantor.

Musicalmente, Samora N’zinga dá continuidade à sua jornada de retorno às raízes musicais do AFROTRAP com uma proposta que mistura o afrobeat com o Trap das ruas de Belo Horizonte. Mesmo com os espaços culturais fechados devido a pandemia, suas vivências em BH, seja nas batalhas de rap no Viaduto Santa Tereza ou nos Bailes da Serra, o influenciaram na composição das faixas. “Me identifico muito com o Baile da Serra, sentia uma energia muito parecida com a do Duelo, com o ambiente do Viaduto Santa Tereza sexta a noite – que é uma vibe que eu gostava, mas que se transformou. Eu quis colocar um pouco dessas sensações no disco também”, relembra.

Para N’Zinga, lançar a sequência de músicas no Spotify, Deezer e YouTube, no dia 12 de novembro é significativo pois é celebrado o Dia Mundial do Hip Hop. Essa foi a mesma data do primeiro evento realizado no mundo do estilo musical, no bairro do Bronx, em Nova York, Estados Unidos, no ano de 1973.

N’Zinga coleciona mais de 100 vitórias em batalhas de MC pelo Brasil, entre elas o Duelo de MC’s (BH/MG), Roda do Santa Cruz (SP) e Batalha 4×4 round em Vitória (ES). Em seu terceiro, álbum Samora N’Zinga traz a participação de Fabrício FBC, Tchouzen, Danilo Faria e Du Kiddy Artivista, além da produção de DJ Spider.

Leia também: Senegalês Mohamed Mbougar Sarr ganha Goncourt, maior prêmio literário da França

Após o lançamento da obra com reflexões sobre a crise ambiental, política, sanitária e econômica, Samora vai lançar os clipes das músicas “Mago das Ruas” e “Tô Suave”, nos dias 19 e 26 de novembro, respectivamente.

APOIO-SITE-PICPAY

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.