“Cores em Diáspora”: Design Ancestral é tema de curta-metragem que estreia 4 de junho

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Será lançado no próximo dia 4 de junho o curta-metragem “Cores em Diáspora”, idealizado e dirigido pela designer gráfica e empresária, Paula Leal. A obra propõe novas perspectivas para o design gráfico no Brasil e será lançado no dia em que a agência Cria Preta, fundada por Leal, completa três anos de existência.

O curta é baseado em cores ancestrais – Foto: Mayara Laila, Coniiin e Thiago Ferreira

Idealizado a partir do conceito de Design Ancestral, desenvolvido pela empresária, o curta nasce de sua busca em promover acessos ao design e também em provocar possibilidades de novas narrativas imagéticas a partir das cores na história de África.

Paula Leal conta que o filme reflete sobre a área de design, que se apresenta em um sistema historicamente eurocêntrico. “Re-existir. É urgente e necessário sermos protagonistas das nossas histórias. Cores em Diáspora nasce, principalmente, do incômodo sobre o uso e as combinações de cores baseadas em estudos que nem sempre dizem sobre as pessoas negras em diáspora”, explica.

Ancestralidade

Construído através do olhar da diretora Paula Leal, o filme Cores em Diáspora, parte das suas diversas relações como a arte, profissão e suas relações familiares, em especial com a avó paterna, Dona Carminha, da qual cuida, e com sua mãe Mônica Nilo, e tio Ed Nunes, já falecidos. 

“Seja no amarelo de Oxum, no vermelho de Exu, ou até mesmo nas fotografias de famílias que retiro cores para construção de identidade visual e logotipos de meus clientes, o fato é que, em minha atuação profissional, o Design Ancestral parte da escuta aberta e afetiva. Em minha metodologia, a história de cada um de meus clientes é valorizada, se transformando em construções visuais cheias de significados e gerando novas possibilidades”, finaliza Paula.

Amarelo de Oxum presente no curta – Mayara Laila, Coniiin e Thiago Ferreira

Leia também: “Fortíssimos indícios de que seja branco”: CNJ suspende posse de juiz que entrou por cotas

Além da exibição inédita do curta e conversa sobre o filme⁣, a celebração terá uma roda de Samba com o grupo Quinteto do Samba e discotecagem e hip hop com o DJ Manelbeatz. O evento acontece a partir das 15h na casa de eventos Toca do Vinil Club Bar, na regional Barreiro. Para mais informações, acesse o perfil do Instagram da Cria Preta.

APOIO-SITE-PICPAY

Igor Rocha

Igor Rocha é jornalista, nascido e criado no Cantinho do Céu, com ampla experiência em assessoria de comunicação e escritor nas horas vagas. Editor e coordenador regional do Notícia Preta

1 Comment

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.