Cantor carioca Alan Rocha lança single com Diogo Nogueira

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Cria do subúrbio carioca, o cantor e compositor Alan Rocha de 38 anos acaba de lançar o single “Vem de Deus”, em parceria com o sambista e amigo Diogo Nogueira. A canção faz parte do primeiro álbum do artista, que será lançado ainda neste mês e vai ter ao todo 11 canções autorais.

Alan recorreu ao financiamento coletivo para a produção deste trabalho: “Desde o início, optei para que meu CD tivesse um som com pegada baseado nos CDS de samba que gosto de ouvir. Gosto da pegada e do swing dos instrumentos de percussão. Com a qualidade dos músicos e grandes números de instrumentos fica mais caro para gravar. São mais horas no estúdio, mais horas para equilibrar os sons durante a mixagem, etc. Sem o financiamento seria muito difícil gravar o CD do jeito que eu queria. Fiquei muito feliz em ter conseguido o apoio das pessoas que acompanham o meu trabalho. Mas claro que ainda tive que complementar com o que foi arrecadado. Não é mole não!”, ressalta o artista.

Alan destaca que tem na arte a forma de combater o racismo presente no cotidiano na sociedade brasileira: “Eu me percebo como um artista negro em movimento, buscando lutar a cada dia principalmente por meio da arte, seja teatral ou musical, buscando felicidade, seriedade e qualidade no meu trabalho. Essa conversa sobre racismo é longa, é fato que ele existe no Brasil, mas muitos não enxergam. Em um pais com mais de 50% de negros e a TV e o Teatro (minha área) insistir em manter nossa raça como minoria é porque tem muita coisa a refletir e mudar.”, sentencia o músico. 

Mas falando em música, o lançamento da canção ” Vem de Deus'” busca homenagear o povo e os compositores, além de ter uma pegada forte de fé e inspiração na parceria com Diogo Nogueira.

“Eu compus VEM DE DEUS, enquanto fazia a turnê do musical ‘SamBRA’. Em uma das viagens, cantei um pedaço e o produtor do Diogo Nogueira adorou. Quando ele mostrou a letra ponta para o Diogo,  o retorno foi positivo para minha alegria. É uma letra sensível, poética, que fala de tantas coisas importantes para quem ama o samba e a arte”, diz o artista.

Alan Rocha tem uma carreira diversificada. Ele, que também ator, já esteve à frente de grandes montagens musicais como “Samba Futebol Clube”, “Besouro Cordão de Ouro”, “Ari Barroso”, “Candeia”, “Gilberto Gil, Aquele Abraço” e “SamBRA”. Atualmente está no elenco de “O Bem Sertanejo”, protagonizado por Michel Teló, além de ser vocalista da banda do bloco Sal na Terra. 

APOIO-SITE-PICPAY

Wellington Andrade

Jornalista formado pela FACHA (Faculdades Integradas Hélio Alonso) e pedagogo pela UERJ. Atualmente escreve para o Portal Notícia Preta e atua no segmento de assessoria de imprensa em parceria com a agência Angel Comunicação. Possui passagens por diferentes veículos como repórter, produtor e apurador, dentre eles TVs Record, SBT e Rede Vida de Televisão, além das rádios Bicuda FM, Nativa FM, Tupi AM e FM, Revista Ziriguidum Nota 10 e no portal especializado em Carnaval SRZD, do jornalista Sidney Rezende. Instagram: @reporterwellingtonandrade

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.