bell hooks é homenageada pela Turma da Mônica

APOIE O NOTÍCIA PRETA

A ativista e intelectual norte-americana bell hooks é a homenageada do projeto Donas da Rua da História, idealizado pelo desenhista Maurício de Sousa. Desta vez, Milena deu vida à Gloria Jean Watkins, dona do pseudônimo bell hooks, que faleceu em dezembro de 2021.

bell hoks foi uma das ativistas do feminismo negro mais atuantes nos últimos anos – Foto: Reprodução Turma da Mônica

bell hooks, sempre escrito com letras minúsculas, porque queria destacar sua escrita e não sua pessoa, é a escolha em homenagem ao nome de sua bisavó, Bell Blair Hooks. hooks nasceu em Hopkinsville, no Estado de Kentucky, no sul dos Estados Unidos, em uma época em que leis segregacionistas separavam espaços reservados para pessoas brancas e negras.

Leia também: Escritora e ativista bell hooks morre aos 69 anos

hooks é autora de mais de 40 livros de diversos gêneros, além de ser premiada com o The American Book Award, um dos prêmios literários de maior prestígio dos Estados Unidos. Entre as mais de 40 obras publicadas, o livro infantil Meu Crespo é de Rainha, apresenta diversas formas de pentear e cortar o cabelo de forma positiva, alegre e elogiosa, para que as meninas se orgulhem de quem são e de seu cabelo ‘macio como algodão’ e ‘gostoso de brincar’.

hooks e todas as outras homenageadas eternizadas com o visual das personagens icônicas do Bairro do Limoeiro podem ser conferidas no site da  Turma da Mônica.

APOIO-SITE-PICPAY

Igor Rocha

Igor Rocha é jornalista, nascido e criado no Cantinho do Céu, com ampla experiência em assessoria de comunicação e escritor nas horas vagas. Editor e coordenador regional do Notícia Preta

1 Comment

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.