Abner Teixeira garante medalha ao passar para semifinais do Boxe

APOIE O NOTÍCIA PRETA

O pugilista Abner Teixeira ganhou a luta das quartas de final, contra o jordaniano Hussein Iatshaish, na manhã desta sexta-feira (30) e já garantiu uma medalha na Olimpíada de Tóquio 2020. Agora, vai decidir, nas próximas lutas, se será de ouro, prata ou bronze.

O boxeador brasileiro vai enfrentar na semifinal, na próxima terça-feira (3), o cubano Julio César La Cruz Peraza, campeão mundial e ouro nos jogos olímpicos do Rio 2016. Os atletas vão lutar por uma vaga na disputa do ouro na categoria entre 81 e 91 quilos. Como no boxe não possui disputa direta pelo 3° lugar, quem não passar pela semifinal fica com a medalha de bronze.

O vencedor enfrentará o ganhador da disputa entre o russo Muslim Gadzhimagomedov, que está representando o Comitê Olímpico Russo e o neozelandês David Nyika, também na terça-feira (3). Os atletas da Rússia estão representando o Comitê Olímpico Russo devido à punição ao país, imposta pelo Comitê Olímpico Internacional, em novembro de 2015, quando se descobriu dopagem em massa pelos atletas entre os anos de 2011 e 2015.

Leia também: Rebeca Andrade ganha medalha de prata e entra para história da ginástica brasileira

Natural de Osasco, grande São Paulo, Abner Teixeira se mudou ainda criança para Sorocaba onde conheceu boxe e começou no esporte pelo projeto social São Paulo “Boxe – Mãos para o Futuro”, do professor Vladimir Godoi. No pan americano de 2019 em Lima, no Peru, ele ficou com a medalha de bronze.

APOIO-SITE-PICPAY

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.