Mãe Celina de Xangô lança livro ‘O Poder das Ervas’

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Como um dever de vida e materialização do legado herdado de suas Matriarcas, Mãe Celina de Xangô lança seu primeiro livro, dia 27 de fevereiro, no Museu do Amanhã

Yalorixá com 30 anos de iniciação no Candomblé e iniciada também no culto de Ifá, Gestora do Centro Cultural Pequena África e idealizadora e criadora do projeto “O Poder das Ervas”, Mãe Celina separou uma série de receitas e relatos sobre as ervas e plantas que a acompanharam desde a infância como saberes que são por ela promovidos e distribuídos em suas oficinas de ervas em diversas edições regionais, nacionais e internacionais em um livro que será lançado dia 27 de fevereiro de 2021, de 10h às 14h, no Museu do Amanhã

As ervas e plantas são uma história de vida, de memórias das minhas ancestrais e o florescer de um caminho de empreendedorismo. Reuni os saberes religiosos e familiares que fui adquirindo ao longo de suas vivências no candomblé e na umbanda, e aceitei o desafio de empreender e levar estes saberes ao mundo“, diz Mãe Celina de Xangô.

Com o seu trabalho, a Yalorixá busca propagar os saberes de proteção, autocuidado e bem-estar, que são acessíveis e possíveis a todas e todos e possibilitar discussões de sustentabilidade e proteção ao meio ambiente. Inicialmente, as oficinas de ervas voltavam-se para atividades religiosas, mas o potencial criativo e empreendedor de Mãe Celina a impulsionaram a transformar e se demonstrou como caminho de auxílio e possibilidade de proporcionar autonomia aos seus clientes e seguidores.

A partir com banhos, foram surgindo chás, escalda pés, aromatizadores de ambiente, sabonetes, incensos e outros produtos artesanais extraídos das propriedades das plantas. Toda a produção, vem através do reaproveitamento dos bagaços das ervas, com os quais pode-se adubar a terra e replantar os galhos, que depois de secos servem para defumação ou acender fogo de lenha. Além de confeccionar diversos produtos, cultivar diversas plantas em sua casa e em seu terreiro, Mãe Celina acredita que ao se aprender mais sobre os benefícios das propriedades das ervas, as pessoas terão ainda mais responsabilidade e cuidado ambiental.

Às vezes temos que entender o que temos ao nosso alcance e procurar fazer uso da melhor forma possível. Com isso mente, me concentro no delicado desafio de me deixar guiar por minhas intuições. Percebo que assim venho seguindo a minha vida espiritual, ouvindo meus mentores, que são os verdadeiros sábios e vêm me transmitindo sabedoria e ensinamentos de diversas formas, dia a dia – trecho do livro “O Poder das Ervas”.

Em quatro anos de projeto, Mãe Celina já realizou oficinas temáticas para mulheres trans, para empresas e para espaços culturais diversos. Internacionalmente, realizou edições no WOW Festival (2019 e 2020 na Mostra 10 Back x 10 Forward), no Festival Climax (2019, França) e em Berlim, na Alemanha. No Brasil, já ofereceu a oficina do “Poder das Ervas” no Museu do Amanhã, no Museu de Arte do Rio, no Centro Cultural Pequena África, na Academia da Alma, no Retrato Espaço Cultural e na Pinacoteca de SP, com público superior a 4 mil pessoas.

Como Yalorixá, Mãe Celina gere sua casa de santo com ampla atividade e tem como parte da sua missão dividir esses ensinamentos de autoproteção, prosperidade e cuidado através da sabedoria dos Orixás. Há 12 anos, atua paralelamente como Gestora do Centro Cultural Pequena África e, em 2011 e 2012, foi convidada pela Arqueologia da UFRJ para participar do reconhecimento de objetos africanos encontrados nas escavações do Cais do Valongo, um dos símbolos da Zona Portuária do Rio de Janeiro, local que recebeu o título de Patrimônio Histórico da Humanidade dado pela UNESCO por ser o principal vestígio material da chegada dos africanos escravizados nas Américas.

Além disso, Mãe Celina já estrelou filmes e documentários brasileiros e internacionais como: Damas do Samba, de Suzana Lira (2013), Websérie MAR na Rua (para o Museu de Arte do Rio), Série África em Nós (TV senegalesa) e Cais, Mãe Celina de Xangô e Atlântico, todos de Milena Manfredini.

SERVIÇO:

Lançamento do Livro “O Poder das Ervas” – Mãe Celina de Xangô

27 de fevereiro de 2021 – 10h às 14h

Museu do Amanhã – Praça Mauá 1 – Centro, Rio de Janeiro

Valor do Livro: R$ 40

APOIO-SITE-PICPAY

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.