Karol Conká é eliminada com 99,17%, maior rejeição da história BBB

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Muitas foram as polêmicas em torno da participação da cantora Karol Conká no BBB 21: cenas de brigas e humilhações que contribuíram para que a artista fosse eliminada com 99,17% dos votos. Superando o humorista Nego Di, eliminado na semana anterior com 98,76% dos votos.

Prevendo a eliminação de Karol Conká, a Globo se mostrou preocupada com a integridade da cantora, e resolveu montar um esquema de escolta para que ela não seja agredida caso seja a eliminada dessa semana. A informação foi publicada pela Isto É.

Em conversa com Gilberto na tarde desta terça-feira (23), Karol afirmou ter certeza que seria a eliminada do programa. “Eu não quero ficar aqui, meu Deus. Ontem cantei ‘Eu Não Vou Embora’ porque estava bêbada, mas voltei para a tristeza que essa casa me traz“, disparou a rapper.

Paredão com Karol Conká provoca catarse coletiva e gera memes, clipe e até outdoor pedindo a saída da cantora

Até os famosos, como o jogador Neymar e a cantora Anitta, criaram correntes para sossegar os ânimos rumo ao acolhimento de Karol Conká, a rapper que assumiu o papel de vilã desta edição. Sabe o clima de “já ganhou!”, pois o que se vê nas redes nos últimos dias é justamente o contrário: a torcida é pelo “já perdeu!”. 

A expressão disso é uma fábrica de memes, clipes, stickers e até um outdoor pedindo a eliminação dela do jogo. Mesmo sendo uma peça fundamental na dinâmica do programa, como ela mesma disse na edição de segunda-feira, o motivo que pode levá-la pela porta de saída é seu próprio estilo “lacradora”, que ganhou contornos de cancelamento após alguns comportamentos considerados excessivos com outros participantes. Fazer campanha para tirá-la para o público virou uma questão de honra, de estar do lado certo, de fazer justiça, de votar corretamente (afinal, é pelo voto que o espectador decide o final feliz no reality).

APOIO-SITE-PICPAY

Thais Bernardes

Formada em jornalismo pelo Institut français de Presse-Université Panthéon-Assas, em Paris e com especialização em audiovisual pelo Institut Pratique de Journalisme (IPJ), também na França, Thais Bernardes é jornalista, assessora de imprensa e idealizadora do portal Notícia Preta, um site de jornalismo colaborativo. Antes de concluir seus estudos na Europa, Thais cursou Relações Públicas na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), onde ingressou através do sistema de cotas. Após atuar como produtora no canal de TV France 2, em Paris, foi repórter no Jornal Extra, na rádio BandNewsFM e coordenadora de Comunicação da Secretaria de Estado de Direitos Humanos do Rio. Em novembro de 2018 a jornalista decidiu criar o portal Notícia Preta como forma de combater, através do jornalismo, o racismo e as desigualdades sociais.

1 Comment

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.