Catedral no Reino Unido traz pintura com Jesus negro: “Fazer as pessoas questionarem o mito ocidental”

APOIE O NOTÍCIA PRETA

A Santa Ceia está diferente. Ou melhor: está mais próxima de como possivelmente foi. Um quadro da artista Lorna May Wadsworth, que retrata Jesus como negro, foi colocado na Catedral Católica de St Albans, a 35 km de Londres, no Reino Unido. A obra, de 2,6 metros de altura, marca a reabertura da igreja.

A obra marca a reabertura da catedral (Foto: Lorna May Wadsworth)

“Nós apoiamos o movimento Black Lives Matter como aliados em prol da mudança, construindo uma comunidade forte e justa onde a dignidade de todos os seres humanos é honrada e celebrada, onde as vozes negras são ouvidas e onde vidas negras importam”, afirmou a igreja, por meio de uma nota oficial.

Em 2010, a pintura, releitura da famosa obra de Leonardo da Vinci, foi alvo de tiros quando exibida em outra catedral inglesa. Wadsworth afirmou, em entrevista à BBC, que a intenção é “fazer as pessoas questionarem o mito ocidental de que Jesus Cristo tinha cabelo claro e olhos azuis”.

O Black Lives Matter de St Albans não é afiliado ao movimento nacional: trata-se de um coletivo regional para tratar da pauta antirracista internamente. Segundo um porta-voz do grupo, a obra de Lorna May Wadsworth vem para “promover uma conversa sobre como a história é frequentemente embranquecida”.

APOIO-SITE-PICPAY

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.