Ícone do site Notícia Preta

Ações trabalhistas denunciando racismo crescem 11% em 2020, aponta levantamento

APOIE O NOTÍCIA PRETA

Um levantamento realizado pela  Data Lawyer, empresa de dados estatísticos jurídicos e inteligência artificial, revela que o número de causas trabalhistas denunciando racismo no ambiente de trabalho cresceu 11% em 2020, quando comparado ao ano anterior. No total, foram cerca de 1.900 ações protocoladas na Justiça.

Empresas de call center e restaurantes lideram o ranking de ações por racismo no trabalho, o valor inicial das causas ultrapassa R$ 402 milhões.

São Paulo lidera o ranking em número de processos registrados, foram 672 casos. O Rio Grande do Sul vem em segundo lugar com 237 ações e Minas Gerais em terceiro, com 141.

De 2017 2020, a quantidade de processos rastreados no Brasil pelo sistema da empresa foi de 7.378.835. Destes, 7.179 processos continham o termo racismo citado em peças iniciais e decisões. A ferramenta de Data Lawyer tem 94% de assertividade.

Sair da versão mobile